PUBLICIDADE

Em contrapartida a decreto, Estado estuda medidas de apoio ao varejo

Campo Grande News em 25 de Março de 2021

Um dia após decreto estadual que restringe o funcionamento do comércio em todo Mato Grosso do Sul, o secretário de Governo e Gestão Estratégica, Sérgio Murilo, anunciou que o Estado já estuda medidas para compensar as perdas do varejo.

Segundo ele, nesta quinta-feira (25), logo cedo houve reunião com representantes do setor, para ouvir as reivindicações e elaborar uma proposta de compensação.

Na tentativa de acalmar os empresários, o secretário lembrou que a discussão sobre as restrições foi longa e ampla. “Foi um decreto muito bem equilibrado, entre o desejo da saúde e da população”, garantiu.

Otimista, Sérgio Murilo avaliou que Estado e varejo estão no caminho para um acordo que reduza o prejuízo aos empresários e não comprometa o combate à doença.

“Hoje pela manhã recebemos o pessoal do varejo e já começamos a discutir uma pauta positiva para poder minimizar os efeitos da crise que vem junto com as restrições impostas para conter a pandemia. A gente sabe que essa doença colocou todo mundo de joelhos”, comentou. 

PUBLICIDADE