PUBLICIDADE

Colisão entre carro e caminhão deixa garoto de 11 anos gravemente ferido

Leonardo Cabral em 12 de Setembro de 2020

Loislayne Cabral

Carro derrubou muro e invadiu quintal de casa após bater em caminhão

Colisão entre carro de passeio e um caminhão de entrega de uma rede de supermercados, ocorrido por volta das 15h30 deste sábado (12), deixou um menino de 11 anos em estado grave. No impacto, o veículo em que ele estava derrubou parte do muro de uma residência localizada na esquina das ruas Tiradentes e Joaquim Murtinho, em Corumbá.

O Ford Fiesta era conduzido por um homem, de 33 anos, e além do garoto, também estava no carro mais uma criança, de dois anos, que ficou ferida, mas foi socorrida por terceiros. Testemunhas relataram que uma mulher teria entrado no carro e retirado o menino. Já o menor de 11 anos, ficou preso nas ferragens e foi preciso a equipe dos Bombeiros serrar o veículo. O motorista conseguiu sair sozinho e sofreu escoriações.  

Loislayne Cabral

Garoto de 11 anos sendo retirado do carro pelos bombeiros

O boletim de ocorrência 3394/2020, o qual este Diário teve acesso informa que o condutor do caminhão relatou que seguia pela rua Tiradentes, quando ao passar pelo cruzamento com a Joaquim Murtinho, o carro de passeio não respeitou a placa de Pare, invadiu a preferencial e houve a colisão. Com o impacto, o automóvel onde estava a família foi arremessado contra o muro, derrubando parte da estrutura e entrando no quintal do imóvel.

O motorista estava nervoso e ao ser questionado pela PM, ele afirmou que seguia pela rua Tiradentes, sentido norte/sul, fez uma conversão à esquerda na rua Joaquim Murtinho e que depois disso, não se lembra de mais nada. 

Loislayne Cabral

Condutor do carro de passeio afirmou ter bebido, mas se negou a fazer o teste do bafômetro

Policiais militares perguntaram ao condutor se ele havia ingerido bebida alcoólica, ele respondeu que sim, e se recusou a fazer o teste de bafômetro. A PM, então, fez o auto de notificação por dirigir sob influência de álcool. Todas as partes envolvidas foram levadas para a Delegacia de Polícia Civil. 

As vítimas

Diário Corumbaense apurou que o menino mais velho tinha sinais de traumatismo craniano, teve uma parada cardíaca no local do acidente e foi reanimado pelas equipes de resgate e salvamento do Corpo de Bombeiros e também do Serviço Móvel de Urgência e Emergência.

Em seguida, ele foi levado às pressas ao pronto-socorro e depois internado no CTI (Centro de Tratamento Intensivo) da Santa Casa. Por e-mail, uma parente do garoto entrou em contato com a Redação e informou que após exames, o traumatismo craniano foi descartado. A criança de dois anos, também foi internada em uma ala do hospital. (matéria atualizada para acréscimo de informação).

PUBLICIDADE