PUBLICIDADE

Sino da Caridade se prepara para entregar cestas para famílias cadastradas

Da Redação em 03 de Dezembro de 2014

As arrecadações de alimentos pelo projeto Sino da Caridade já começaram a ser entregues pelas escolas municipais e estaduais de Corumbá. Os kits estão sendo montados pela equipe da Cidade Dom Bosco e tem a  previsão de entrega para o dia 19 de dezembro, beneficiando cerca de 600 famílias carentes.

Este ano, as escolas do município de Corumbá foram pontos de arrecadação, onde alunos, professores e familiares depositaram as coletas de alimentos em caixas. “As escolas estão sendo bem participativas, algumas já entregaram os mantimentos e estamos organizando a planilha para sabermos quais são as três maiores arrecadações. Até agora as escolas municipais Pedro Paulo de Medeiros e Cássio Leite de Barros estão na frente”, disse A coordenadora do Sino da Caridade, Ana Maria Hellensberger dos Santos ao Diário Corumbaense.

Anderson Gallo/Diário Corumbaense

Voluntários já separam os alimentos para preparação de cestas básicas

Ela explicou que a contagem ainda não encerrou, pois faltam outras escolas entregarem os alimentos. “Estamos fazendo apenas uma média com o que temos agora, mas graças a Deus os alimentos estão chegando e vão poder atender a demanda de famílias cadastradas. Algumas empresas da cidade também decidiram fazer doações e conforme a arrecadação, vamos poder ajudar mais famílias”, frisou Ana Maria.

Nas escolas participantes, o espírito de solidariedade tem envolvido toda a comunidade. “Nossos alunos e professores se empenharam muito, até os pais mesmo se dispunham a vir até aqui trazer os alimentos. O projeto do Sino da Caridade é muito sério e penso que seja por isso que as pessoas vieram nos ajudar. Esse é um legado que o padre Ernesto nos deixou”, disse a diretora da escola Pedro Paulo de Medeiros, Tânia Maria da Costa, ao se referir ao fundador da Cidade Dom Bosco e idealizador do projeto, padre Ernesto Sassida, falecido em 2013.

“Nossa campanha aqui foi muito produtiva, por mais que nossos alunos sejam alguns humildes, eles se esforçaram e doaram. Os professores também deram um suporte muito bom. Aqui selecionamos cinco famílias para receber a doação”, destacou Maria Madalena de Oliveira, coordenadora da escola Cássio Leite de Barros.

Forma de arrecadação mudou a partir deste ano

O projeto Sino da Caridade, realizado pela Cidade Dom Bosco, mudou este ano a forma de arrecadação de doações de alimentos para famílias carentes passarem o período de final de ano. O “arrastão”, que percorria o centro e bairros da cidade, deu lugar a caixas de coletas solidárias distribuídas em 26 escolas municipais e estaduais do município. Também haverá a entrega do  troféu solidário para a escola que arrecadar mais alimentos. As comunidade também pode doar pelo “Disque Sino”. Basta o doador informar o endereço que a equipe faz a coleta do donativo na residência. O número do telefone é o  (67) 3232-4459.

Promovido há mais de 40 anos, o Sino da Caridade é um projeto que foi idealizado pelo falecido padre salesiano Ernesto Sassida, fundador de uma das maiores obras sociais de Corumbá: a Cidade Dom Bosco. O objetivo da campanha é ajudar as famílias carentes com alimentos no Natal. A campanha se chama "Sino da Caridade", por conta da divulgação, que era feita através de dois sinos.

PUBLICIDADE