PUBLICIDADE

MEC encerra hoje inscrições para professores e servidores trabalharem no Enem 2019

Da Redação em 29 de Julho de 2019

O Ministério da Educação (MEC) recebe até às 23h59 (horário de Brasília) desta segunda-feira (29) as inscrições de servidores públicos federais e professores da rede pública estadual ou municipal interessados em trabalhar no Exame Nacional do Ensino Médio 2019. As inscrições estavam previstas para encerrar no dia 22 de julho, mas foram prorrogadas pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), órgão ligado ao MEC e que organiza o Enem.

Professores da rede pública municipal e estadual, além de servidores federais, que desejam trabalhar no Enem devem fazer o cadastro no site do  Inep). Os selecionados vão receber R$ 342,00 por dia.

Os docentes vão atuar na Rede Nacional de Certificadores (RNC), do Enem, e vão conferir os procedimentos durante a execução da prova, representando o Inep em todo o país.

Quem pode participar?

  • Ser servidor público do Poder Executivo Federal, em exercício em 2019, regido pela Lei nº 8.112, ou docente da rede pública estadual ou municipal de ensino, efetivo e registrado no Censo Escolar 2018
  • Ter formação mínima em ensino médio
  • Não estar inscrito e nem ter parentes inscritos no Enem 2019
  • Não ter vínculo com qualquer atividade do Enem ou do Inep

Enem 2019 será aplicado nos dias 03 e 10 de novembro. Todos os inscritos que atenderem aos critérios do Inep serão convocados para uma capacitação no formato de educação a distância. Aqueles que obtiverem a nota mínima exigida estarão aptos a atuar como certificadores da prova deste ano.

As demandas de trabalho são emitidas na semana da prova, de acordo com a necessidade do Inep para cada local de prova. Em 2019, o ENEM será aplicado em 1.728 municípios.

Os interessados precisam cumprir os critérios detalhados acima e devem acessar o site do Sistema ENC para concluir o cadastro: Link aqui. Quem tem cadastro de anos anteriores, pode atualizar as informações ou fazer a inscrição diretamente. Com informações da assessoria de imprensa do MEC. 

Confira o edital de chamada pública

PUBLICIDADE