PUBLICIDADE

Com simulados e aulões, estudantes de Corumbá se preparam para o Exame Nacional do Ensino Médio

Ricardo Albertoni em 01 de Novembro de 2018

Muitas instituições procuram capacitar os alunos, principalmente das últimas duas séries do ensino médio, durante todo o ano

A proximidade das provas do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) que serão aplicadas nos dias 04 e 11 de novembro, dois domingos consecutivos, fez as escolas intensificarem os trabalhos voltados para um bom desempenho dos alunos na avaliação.

Embora a aplicação de simulados e realização de “aulões” sejam mais frequentes às vésperas do exame, muitas instituições procuram capacitar os alunos, principalmente das últimas duas séries do ensino médio, durante todo o ano.

Ao Diário Corumbaense, Wanderson Ligier de Jesus, diretor da escola estadual Gabriel Vandoni de Barros, explicou que os professores foram orientados a trabalhar os conteúdos visando o exame nacional, muitas vezes utilizando questões já vistas em anos anteriores para que os estudantes se familiarizassem com a metodologia.

Gesner Grato de Oliveira Júnior, coordenador pedagógico do ensino médio e EJA - Educação de Jovens e Adultos, lembrou que alunos receberam auxílio importante através da tecnologia

“Orientamos muito os professores a trabalhar com os conteúdos, dentro das provas e trabalhos de acordo com os tipos de questões do Enem. Além disso, a Coordenadoria Regional de Educação, está realizando aulão explicativo como se fosse um 'intensivão' para preparar principalmente o aluno do 3º ano”, adiantou o diretor sobre a atividade que será realizada no anfiteatro Salomão Baruki nesta quinta-feira, 1º de novembro, das 18h às 21h30.

De acordo com Gesner Grato de Oliveira Júnior, coordenador pedagógico do ensino médio e EJA - Educação de Jovens e Adultos, além dos conteúdos repassados em sala de aula, os alunos receberam auxílio importante através da tecnologia.

Por meio de um site, o Governo do Estado oferece conteúdo que serve como complemento na preparação dos estudantes. “Os alunos receberam senha e podem acessar  para fazer simulados, desenvolver trabalhos para  o estudo, além de assistirem videoaulas treinando para o Enem. Isso facilita porque eles podem conciliar a aula com o trabalho fora de sala e aquilo que o aluno encontra dificuldade nas atividades pode tirar dúvida com o professor ou vice-versa”, explicou Gesner.

O estudante do 3º ano, Judson Correia de Moraes, 18 anos, como a maioria dos jovens que farão o exame nacional, destacou a redação como maior dificuldade. Para vencer esse desafio, o jovem explicou que além dos conhecimentos adquiridos na escola, tem procurado outros meios para obter um bom desempenho.

Estudante do 3º ano, Judson Correia de Moraes, 18 anos, disse estar confiante para a prova

“Vou fazer pela primeira vez, estou muito ansioso, muito nervoso, mas desde o começo do ano estou me preparando. Minha maior dificuldade é a redação, estou me preparando no reforço que faço à tarde. Faço duas redações por dia sobre possíveis temas e assim acredito que esteja me preparando de maneira adequada. Além disso, vou participar do aulão que acontecerá no Salomão Baruki. Estou nervoso, mas confiante e me sinto preparado para a prova”, destacou.

Enem 2018

Cerca de 4,1 milhões de estudantes já sabem onde farão o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). 

O exame começa a ser aplicado no próximo domingo (04 de novembro), quando os estudantes farão provas de linguagem, ciências humanas e redação. O Enem continua no dia 11 de novembro, com as provas de ciências da natureza e matemática.

Na reta final, a recomendação do Inep é que os candidatos consultem o local de prova o quanto antes e façam, com antecedência, o trajeto até o local.

Os locais de prova estão no cartão de confirmação da inscrição, que pode ser acessado pela Página do Participante ou pelo aplicativo do Enem 2018, disponível para download na App Store e na Google Play. É preciso informar o CPF e a senha cadastrada na inscrição. Todas as informações e links podem ser acessados pelo site do Enem. Com informações da Agência Brasil.

PUBLICIDADE