Semana do Autismo terá programação lançada hoje em Corumbá

Leonardo Cabral em 02 de Março de 2020

Arte/Diário Corumbaense

Placas de aviso deverão ter a fita do quebra-cabeça, símbolo mundial da conscientização Transtorno do Espectro Autista

Acontece nesta segunda-feira, 02 de março, o lançamento da programação da Semana do Autismo e a Corrida Pelo Autismo em Corumbá. O evento, coordenado pela Associação dos Pais Responsáveis e Organizadores pelos Direitos dos Autistas (PRODTEA), será realizado às 19h, na Associação Comercial, na rua Delamare, Centro da cidade.

Conforme Luiz Paulo Ribeiro, integrante da associação, a semana, que acontecerá de 30 de março a 04 de abril, contará com uma extensa programação no município.  

“Teremos cursos, palestras, debates e um Fórum Municipal com profissionais que irão explicar sobre o autismo, focando na conscientização da sociedade. O encontro será no dia 02 de abril, Dia Mundial de Conscientização do Autismo”, explicou.

Atividade esportiva também integra a programação. “Teremos a Corrida pelo Autismo, que é uma das grandes ferramentas de conscientização e que terá as inscrições abertas a partir do dia 03 de março”, afirmou Luiz Paulo.

Anderson Gallo/Diário Corumbaense

Luiz Paulo Ribeiro é um dos integrantes da Associação dos Pais Responsáveis e Organizadores pelos Direitos dos Autistas

Para participar da corrida, que será realizada no dia 05 de abril. Na categoria adulto, o valor da inscrição é de R$ 65,00; na kids, R$ 35,00. Todo o dinheiro arrecadado, segundo Luiz, será revertido para suprir gastos com profissionais especializados que irão atuar na formação, cursos e palestras durante o ano, para melhor atender as crianças.  

É Lei

Desde janeiro deste ano, não são apenas gestantes, idosos ou pessoas com deficiência, com crianças no colo, lactantes, que têm direito a atendimento prioritário ou preferencial em estabelecimentos públicos e privados. Pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA) também devem receber este atendimento, garantido pela Lei Federal 10.048, de novembro de 2000, incluída pela Lei n° 13.977 de 2020.

Ou seja, as placas dos estabelecimentos públicos e privados, deverão conter a fita do quebra-cabeça, símbolo mundial da conscientização Transtorno do Espectro Autista (TEA), para identificar a prioridade a esse público.

“Em Corumbá, alguns estabelecimentos, como supermercados e um hospital, já têm incluídos essa fita, indicando que pessoas com Transtorno do Espectro Autista devem ter atendimento prioritário. Isso é uma grande conquista”, diz Luiz Paulo Ribeiro que é pai de uma menina com TEA.

PUBLICIDADE