Conselheiro do TCE-MS e ex-deputado, Márcio Monteiro foi preso

Campo Grande News em 12 de Setembro de 2018

Marina Pacheco/CG News

Ex-secretário de Fazenda e atual conselheiro do TCE-MS, Marcio Monteiro

O ex-deputado estadual, ex-secretário de Estado de Fazenda e atual conselheiro do TCE-MS (Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso do Sul), Márcio Monteiro, também é alvo mandado de prisão temporária expedido para a Operação Vostok. Ele foi levado para a sede da PF (Polícia Federal) em Campo Grande na manhã desta quarta-feira (12).

O deputado estadual Zé Teixeira (DEM) também foi preso e outras 12 pessoas estão na mira da PF. Equipes da força-tarefa estiveram na casa do conselheiro, que fica no residencial Dahma 1, e também na sede do TCE-MS, no Parque dos Poderes, no início deste manhã. 

Por meio da assessoria de imprensa, o Tribunal de Contas informou que “não foi notificado sobre a operação” e só se manifestará quando se inteirar dos fatos. A reportagem não conseguiu contato com a defesa de Monteiro.

A operação Vostok cumpre 41 mandados de busca e apreensão em Campo Grande, Aquidauana, Dourados, Maracaju, Guia Lopes de Laguna; e Trairão, no Pará. São ao todo 220 policiais federais nas ruas, além dos promotores do MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul).

Conforme a polícia, o objetivo é combater um esquema de pagamento de propina a representantes da cúpula do Poder Executivo Estadual. As investigações foram iniciadas no início do ano, tendo por base os termos de colaboração premiada de executivos de uma grande empresa do ramo frigorifico.

PUBLICIDADE