PUBLICIDADE

Workshop viabiliza projeto de revitalização de área do centro histórico e entorno

Fonte: Assessoria de Comunicação da PMC em 06 de Maio de 2022

Divulgação

Workshop online foi realizado durante a semana

Nesta semana, representantes da sociedade civil, das universidades e dos setores público e privado presentes em Corumbá participam do Workshop em Cidades mais Humanas Inteligentes e Sustentáveis (WCHIS), que visa desenvolver projetos estruturantes capazes de transformar determinada região da cidade em um lugar com mais desenvolvimento e sustentabilidade para a comunidade.

Com encontros online, a oficina teve início na segunda-feira (02) e finalizada nesta sexta-feira (06). A iniciativa foi promovida por meio do eixo “Inovação” do programa Cidade Empreendedora, executado pelo Sebrae/MS em parceria com a Prefeitura Municipal, e trouxe de forma inédita para o município uma metodologia desenvolvida pelo LabCHIS – Laboratório internacional de pesquisa e consultoria sobre Cidades mais Humanas, Inteligentes e Sustentáveis, ligado ao Programa de Pós-graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento, da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

De acordo com a analista-técnica de Inovação do Sebrae/MS, Luciene Mattos, a principal proposta é viabilizar a integração dos envolvidos para uma construção conjunta que possa resultar em um espaço que atenda às necessidades da comunidade. “A metodologia aplicada traz um conceito que enxerga as cidades como um espaço voltado para atender as necessidades dos seres humanos, além de iniciativas inovadoras e tecnológicas capazes de promover também a sustentabilidade. Então, queremos possibilitar que os atores se conscientizem da importância desse olhar para a promoção do desenvolvimento”, destacou Luciene.

Funcionamento do workshop e escolha do local

Para o desenvolvimento do workshop foi feito um trabalho prévio que envolveu a mobilização dos atores locais, além da escolha do local que iria ser alvo do projeto de reformulação. Segundo secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Sustentável, Cássio Marques, a região escolhida foi a área do centro histórico e entorno imediato.

“Estamos trabalhando numa região central da cidade, que abriga boa parte do patrimônio arquitetônico-histórico do município, onde também está concentrada grande parte do comércio varejista. Essa é uma oportunidade para vários atores da sociedade estarem discutindo sobre como aproveitar esse trabalho no sentido de construir um plano de ação voltado para essa região, no intuito de torná-la mais humana, inteligente e sustentável”, destacou o secretário.

Junto com as dinâmicas on-line, os participantes do workshop foram incentivados a visitar o espaço e entrevistar outros atores da comunidade para que pudessem identificar as possibilidades do que poderia ser construído ali.

De acordo com a responsável pela governança colaborativa do projeto WCHIS, Tatiana Schreiner, doutoranda em Engenharia e Gestão do Conhecimento UFSC, a metodologia aplicada envolve atividades práticas e teóricas que também tem como objetivo criar uma conexão entre os participantes de modo que, após a construção do projeto, eles se sintam envolvidos a ponto de pensarem em novas iniciativas em conjunto que promovam melhorias em outras áreas do município.

“O CHIS Corumbá está sendo desenvolvido a partir de um desejo de revitalização de uma área do centro histórico de corumbá em suas dimensões sociais, econômicas, ambientais e de governança”, disse Tatiana, explicando que com o processo de escuta ativa, observação e interação com pessoas da comunidade local e participantes, uma primeira rede se forma para criar soluções colaborativas que possam gerar repercussões pelo município. “A partir da escuta e identificação de problemas específicos envolvendo as áreas ambiental, social e econômica, serão criadas soluções para serem articuladas em um arranjo institucional, que chamamos de governança colaborativa”, detalhou.

Neste ano, Corumbá e Chapadão do Sul, que integram o programa Cidade Empreendedora já receberam o Workshop em Cidades mais Humanas Inteligentes e Sustentáveis (WCHIS), além de Dourados que ainda terá a atividade no município. Mais informações sobre o programa Cidade Empreendedora podem ser obtidas ao clicar aqui ou por meio do número 0800 570 0800. 

As informações são da Assessoria de Imprensa do Sebrae-MS.

PUBLICIDADE