PUBLICIDADE

Imagens divulgadas em redes sociais ajudam policiais penais a prender homem que furtou celular de loja

Leonardo Cabral em 15 de Julho de 2021

Divulgação/Polícia Penal

Homem usava mesma roupa, do dia do furto, quando foi preso pelos policiais penais

Imagens divulgadas nas redes sociais ajudaram na prisão de um homem, de 54 anos, na quarta-feira, 14 de julho. Ele foi flagrado por câmeras de segurança de um estabelecimento comercial, na esquina da rua Sete de Setembro com a Avenida Porto Carrero, entrando no local e levando um aparelho celular.

O autor, que tem condenação de mais de 34 anos de reclusão, foi preso no Conjunto Vitória Régia por policiais penais da UMMVE (Unidade de Monitoramento Virtual Estadual de Corumbá).

Ele fazia uso de tornozeleira eletrônica, mas pela repercussão do caso após a divulgação de imagens, ele rompeu o monitoramento eletrônico e acabou detido.

O homem confessou o furto e mostrou onde havia jogado o aparelho que destruiu depois de saber que era um Iphone e não conseguiria desbloqueá-lo.

Divulgação/Polícia Penal

Com ele, foram apreendidos papelotes de cocaína

Durante a revista pessoal, os policiais penais encontraram com ele nove invólucros de cocaína, que ele alegou ser para consumo próprio. 

O indivíduo foi condenado por crimes de furto, roubo e porte de arma, totalizando 34 anos e 04 meses de prisão. Ele estava no regime semiaberto e monitorado por tornozeleira eletrônica, rompida por volta da 00h10 do dia 14 de julho, sendo ele identificado e detido na tarde de ontem mesmo.

O homem voltou para o Presídio Masculino de Corumbá, ficando à disposição da Justiça.

Comentários:

Izanil Marques Alves: EU FAÇO UMA PERGUNTA QUEM SOLTOU ESSE HOMEM TENDO UMA CONDENAÇÃO TÃO EXTENSA. FICAR BONZINHO OU PERTENCER AO GRUPO RELIGIOSO REDUZ A PENA?NÃO ENTENDO ESSA LEI DE PRENDE E SOLTA.

PUBLICIDADE