PUBLICIDADE

Perícia confirma que menino cometeu suicídio e não houve indícios de estupro

Rosana Nunes em 27 de Julho de 2020

A Perícia Técnica da Polícia Civil de Corumbá divulgou nota à imprensa na noite desta segunda-feira (27), esclarecendo que, em relação à morte de um menino de 9 anos, no dia 24 de julho, no assentamento Tamarineiro, em Corumbá, laudos periciais do local e necroscópico “asseguram a tese de suicídio e não foram encontrados indícios de estupro no corpo do menino”.

O esclarecimento foi feito depois que veículo de comunicação, em seu perfil, divulgou que a Perícia "derrubou hipótese de suicídio" e que haviam sido encontrados indícios de estupro.

Segundo a coordenadora regional de Perícia e Identificação, Glauce Santos de Melo, em nenhum momento tal informação partiu da Perícia.

“A informação de massa tem como pilar a informação averiguada e concatenada com a verdade para que seja de fato formado um juízo correto e responsável. Considerando as consequências danosas, principalmente à família que se encontra em situação de fragilidade e dor diante de um fato tão lamentável e cruel que é a morte de um filho – uma criança - tal situação enseja em si cuidado especial  a ser dado por quem a noticia”, destacou.

“Em nome da Perícia Criminal  de Corumbá e em respeito à família, utilizamos desse meio a fim de esclarecer a população diante da notícia equivocada”, concluiu a coordenadora. 

PUBLICIDADE