PUBLICIDADE

Duas mulheres são presas quando tentavam entrar em presídio com droga na vagina

Leonardo Cabral em 13 de Janeiro de 2020

Anderson Gallo/Arquivo Diário Corumbaense

Mulheres foram presas durante a visita de domingo aos presos

Duas mulheres, uma de 38 e outra de 47 anos, foram presas em flagrante, tentando tentando entrar no Estabelecimento Penal Masculino de Corumbá, com maconha e cocaína, no domingo, 12 de janeiro, no horário de visitas.

A primeira a ser flagrada com a droga, às 13h,  foi a mulher de 47 anos. Ao passar pela revista pessoal e pelo aparelho detector de entorpecentes, houve a suspeita. A agente penitenciária imediatamente acionou a chefe da equipe. O aparelho disparou no momento em que a visitante sentou na cadeira detectora.

Ela foi detida e encaminhada até o pronto-socorro para fazer raio-x, mas no caminho até a unidade de saúde, ela acabou confessando que estava com a droga em seu órgão genital. Diante da confissão, ela foi levada até a Delegacia de Polícia Civil,  onde ela mesma retirou o entorpecente das partes íntimas, com peso aproximado de 120 gramas de cocaína. A mulher revelou que foi contratada pela esposa de um detento para entrar com a droga no presídio e receberia o valor de R$ 200,00.

Já às 13h50, mulher de 38 anos, também foi flagrada tentando entrar na unidade penitenciária, mas com maconha. O entorpecente foi achado durante a revista pessoal, quando ela passava pelo detector de metal.

A autora também estava com droga dentro da vagina. Ela retirou o entorpecente, que estava distribuído em cinco pedaços prensados, que estavam envoltos em papel metálico e transparente, com peso aproximado de 266 gramas. A detida confessou que entregaria a droga para o marido.

Em ambos os casos, as autoras foram encaminhadas para a 1ª Delegacia de Polícia Civil. As ocorrências 246/2020 e 247/2020 foram registradas como tráfico de drogas.

PUBLICIDADE