PUBLICIDADE

Marquês de Sapucaí canta influências e misticismos da Lua

Leonardo Cabral em 05 de Março de 2019

Anderson Gallo/Diário Corumbaense

Carro abre-alas

Encerrando o desfile das escolas de samba do Carnaval 2019, na madrugada desta terça-feira, 05 de março, a Marquês de Sapucaí, se apresentou sob a luz e o brilho de sua homenageada: “A Lua”, nome escolhido para o seu samba-enredo. A agremiação trouxe para a Avenida General Rondon, 600 componentes, divididos em 13 alas.

As fases da Lua e o que ela influencia na terra e seus seres em geral foram mostrados pela Marquês de Sapucaí, como o fascínio que reserva ao longo dos séculos, referências para mediações no tempo.

Apesar de o enredo permitir inúmeras possibilidades de criação, a Marquês optou por trazer algumas representações e povos de forte ligação com a Lua, entre eles, os indígenas que tiveram destaque nas alas, carros alegóricos, lembrados na letra do samba-enredo.

Anderson Gallo/Diário Corumbaense

Misticismo da lua veio representado em ala com fantasias de bruxas

A comissão de frente, composta por 12 integrantes, pediu passagem para a agremiação com a fantasia Crepúsculo Seres, juntamente com o abre-alas, que retratou a coração da claridade da grande estrela da noite no desfile da Marquês.  

Logo depois foi a vez do primeiro casal de mestre-sala e porta-bandeira, com a fantasia Eclipse. Com tantas influências, as bruxas, Dráculas e Lobisomem não foram esquecidos pela agremiação, que trouxe em uma de suas alas a lembrança desses personagens da cultura popular, relacionando-os com a Lua cheia e seus mistérios.

E, claro, Jorge a Fé do brasileiro e a chegada do homem à Lua, 50 anos depois, quando Neil Alden Armstrong, engenheiro aeroespacial e astronauta norte-americano tornou-se o primeiro homem a pisar na Lua em 1969, não ficaram de fora, bem como as tradicionais tribos indígenas que se utilizam da Lua para cultuar seus Deuses.

Anderson Gallo/Diário Corumbaense

A influência da lua para povos indígenas ganhou destaque em carro alegórico

A bateria da Marquês de Sapucaí, com 70 ritmistas sob o comando do mestre Luciano Velasquez, realizou o recuo na rua Quinze de Novembro, esquina com a General Rondon. A Rainha de Bateria, Carol, mostrou desenvoltura, carisma, durante sua exibição na Avenida. 

Quatro carros alegóricos fizeram parte do desfile da Marquês de Sapucaí, que possibilitou aos foliões uma viagem pela Lua sem ao menos saírem da passarela do samba.

Grêmio Recreativo Escola de Samba Mocidade Independente Marquês de Sapucaí

Fundação: 29/02/1988

Presidente: Odeti Brincker de Oliveira Bueno

Cores: verde, lilás, branco, azul e amarelo

Carnavalesco: Alex Guedes

Enredo: Lua

Samba-enredo: Lua

Compositor: Fernando Soares Garcia, Wellington Lima, Victor Raphael e Hugo

Intérprete: Wellington Lima

Mestre de Bateria: Luciano

Número de componentes: 600

Número de alas: 13

Número de carros alegóricos: 04

Componentes da bateria: 70

Porta-bandeira: Ariele

Mestre-sala: Joãozinho Braga

Rainha da bateria: Carol

Colocação em 2018: 6ª colocada com 176,6 pontos

Samba-enredo: Lua

Compositores: Fernando Soares Garcia, Wellington Lima, Victor Raphael e Hugo


Gira baiana no girar da lua

Minha escola na avenida veio pra brincar

Ordem do Marquês a festa continua

Cheguei nesta linda noite pra brilhar


Oh Lua! Lua testemunha dos casais de namorados

Clareia a passarela só pra mim

Que eu sou o marquês! Grego! Chinês!

Eu sou mais um apaixonado

Protegido por São Jorge eu vou cantar assim


Lá vem a Marquês tão bela

Sobre o véu da noite e o brilho do luar

Seu desfile ilumina a passarela

Deixa a emoção te levar


A vida todo mundo a lua namorou

Apolo-11 com astronauta ali pisou

50 anos se passaram… e ainda estamos por aqui

Amore mio, Marquês de Sapucaí


Só colhemos aquilo que plantamos

E ainda temos que regar

A Lua nos ensina com Jaci

Bruxaria, lobisomem, é cultura popular

Lenda que nos faz mudar de vida nos ensina

Com os índios a preservar

A natureza meu rincão, oh Lua!

Que ilumina hindus, egípcios e romanos

A Sapucaí na avenida desfilando

Faz minha escola brilhar


Galeria: Marquês de Sapucaí - 2019

Abrir Super Galeria
PUBLICIDADE