PUBLICIDADE

Missas, procissão fluvial e visitação marcam homenagens à Nossa Senhora dos Remédios

Leonardo Cabral em 19 de Outubro de 2021

Anderson Gallo/Arquivo Diário Corumbaense

Dia da Padroeira de Ladário é neste domingo, 24 de outubro

As celebrações em homenagem à Padroeira de Ladário, Nossa Senhora dos Remédios, seguem até domingo, 24 de outubro, data dedicada à santa. Desde o dia 15, a comunidade católica novena e missas. Além disso, na sexta-feira, (22), haverá a visita da Imagem Peregrina de Nossa Senhora dos Remédios à sede da Policlínica ladarense, às 09h. 

No sábado, 23, véspera do dia de Nossa Senhora, a partir das 13h, a imagem também visitará a Santa Casa de Corumbá, Hospital da Cassems e Asilo São José.  

Logo depois, às 15h, acontece a tradicional procissão fluvial, saindo do Porto Geral de Corumbá até o Complexo da Marinha, em Ladário.

A procissão fluvial com a imagem milagrosa se tornou tradição e rememora a chegada da santa, em Ladário, no ano de 1895, trazida pelo capitão-tenente José Raymundo de Souza Lobo.

Às 15h45, haverá a visita da imagem ao Complexo Naval e às 17h, retorna ao Santuário, onde haverá novena e missas até às 21h, quando começa uma serenata em homenagem à Padroeira.

Anderson Gallo/ Arquivo Diário Corumbaense

Procissão Fluvial acontece no sábado, com saída do Porto de Corumbá até o Complexo Naval de Ladário

O ponto alto da celebração será no domingo, 24 de outubro, que começa à meia-noite com alvorada festiva. Às 05h30, reza do terço e às 06h, a primeira missa.

Depois, acontece o tradicional Café da Manhã Partilhado, com Nossa Senhora dos Remédios. Missas de hora em hora serão realizadas no Santuário neste dia.

A festa se encerra com uma missa, às 19h, na praça do Santuário Coração de Nossa Senhora. A última homenagem fica por conta da procissão luminosa ou carreata pelas ruas de Ladário, que terá início às 20h.

A imagem

A imagem de Nossa Senhora dos Remédios, também foi declarada patrimônio histórico, cultural e religioso daquela cidade pela lei municipal 960/2016 sancionada pelo então prefeito José Antonio Assad e Faria. Pela lei, o tombo municipal da imagem sacra – que fica no altar do Santuário de Nossa Senhora dos Remédios – foi inscrito no livro da Fundação de Cultura do Município de Ladário.

A imagem é espanhola e estava em Recife. Depois, o comandante Souza Lobo a trouxe e ela ficou no Arsenal da Marinha durante um tempo. Posteriormente, o povo ladarense construiu o Santuário e o comandante doou a imagem de Nossa Senhora para a cidade de Ladário, criando a partir desse momento uma devoção extraordinária dos fiéis.

PUBLICIDADE