PUBLICIDADE

Barco-hotel vai servir de alojamento para equipes que combatem o fogo na Serra do Amolar

Leonardo Cabral em 10 de Outubro de 2020

Divulgação

Embarcação chegou ontem na Serra do Amolar

Atendendo pedido do Instituto Homem Pantaneiro (IHP), a Associação Corumbaense das Empresas Regionais de Turismo (Acert), enviou na última quinta-feira, 08 de outubro, um barco-hotel, para dar apoio às equipes que estão na linha de frente de combate ao fogo, na região da Serra do Amolar.

A embarcação, com capacidade para 35 pessoas, mais tripulação, servirá como alojamento para as equipes, explicou Ademilson Esquivel, um dos associados da Acert.

“O barco-hotel vai dar apoio para que as equipes possam dormir, mesmo sabendo que os trabalhos acontecem durante todo o dia e à noite também. São cerca de 70 pessoas que estão no local e com a chegada do barco-hotel, eles terão um pouco de conforto”, falou Ademilson ao Diário Corumbaense.

Ele ressaltou que além da embarcação e tripulantes, “foram levados mantimentos, água e mais de 650 kg de gelo”. Adimilson ressaltou ainda que a ação tem como objetivo, “a plena consciência do que vem acontecendo com o patrimônio natural, o Pantanal, diante do cenário de destruição pelas queimadas. O que precisar ser feito, vamos fazer e estamos à disposição”, frisou.

Divulgação/Bombeiros

Serra do Amolar é uma das áreas mais afetadas pelo fogo

As ações contam, desde o início da última semana, com mais de 150 combatentes em solo, entre fuzileiros navais, bombeiros militares e brigadistas do Ibama, militares do Paraná, Santa Catarina e da Força Nacional, nas regiões da rodovia BR-262, Serra do Amolar, Jatobazinho, Serra Negra entre outras. Também é aguardada a chegada de bombeiros militares de Brasília para somar às ações.

Para ajudar a conter as chamas, uma Base de Operações na Serra do Amolar foi montada. No local, há concentração de equipes e aeronaves para otimizar o transporte de material e pessoal às regiões mais afetadas pelas queimadas.

PUBLICIDADE