Polícia Federal limita emissão de passaportes e suspende fiscalizações

Fonte: Campo Grande News em 17 de Março de 2020

A Superintendência da Polícia Federal em Mato Grosso do Sul deliberou série de medidas na esteira das ações para frear a disseminação do novo coronavírus. A emissão de passaportes e de documentos migratórios será limitada, ao passo que as fiscalizações externas estão suspensas.

Em comunicado, a Polícia Federal alega que a iniciativa atende declaração de emergência pública decorrente do novo coronavírus no Brasil. O atendimento ao público na superintendência, delegacias regionais e postos de emissão de passaportes passa a ser restringido. O tratamento eletrônico das demandas será priorizado.

Segundo a PF, só situações emergenciais serão atendidas pessoalmente. Assim, apenas pedidos de passaportes para pessoas que tenham viagem comprovada nos próximos 30 dias serão apreciados.

Os prazos relativos à regularização migratória serão prorrogados. Já as entregas de CRNMs (Carteiras de Registro Nacional Migratório) e DPRNMs (Documentos Provisórios de Registro Nacional Migratório) serão feitas apenas quando urgentes.

Os policiais federais só sairão para diligências externas em casos excepcionais. Os serviços relativos à segurança privada, controle de produtos químicos e expedição de registros e portes de armas de fogos também devem ser afetados. A Polícia Federal não informou por quanto tempo as mudanças ficarão vigentes.

Casos

Até a manhã desta terça-feira (17), a SES confirma quatro casos de pessoas infectadas pelo novo coronavírus no Estado, todos na Capital. Outras 33 ocorrências são investigadas. Desde 25 de janeiro, foram registradas 88 notificações de casos suspeitos.

PUBLICIDADE