PUBLICIDADE

PMA prende cinco por pesca predatória e multas passam de R$ 34 mil

Rosana Nunes em 29 de Outubro de 2020

Divulgação/PMA

Pescado apreendido totalizou 314 quilos

Equipe da Polícia Militar Ambiental de Corumbá apreendeu 314 quilos de pescado e aplicou multa de R$ 34.900,00 por crime de pesca predatória. Foi na madrugada desta quinta-feira (29), no rio Paraguai, distante 55 quilômetros da orla portuária. Cinco pescadores, que estavam em embarcação de grande porte, foram presos. 

De acordo com a PMA, o grupo utilizava rede de 130 metros, petrecho proibido pela legislação ambiental, para capturar as espécies pacu, cachara, pintado e barbado, totalizando 314 quilos. 

Junto à embarcação, também havia dois barcos de alumínio e um motor de popa, usados na pesca predatória. Os pescadores presos, dois de 24 anos e os outros de 25, 35 e 43 anos, foram levados para a Delegacia da Polícia Federal, onde foram autuados em flagrante por crime ambiental de pesca predatória.

Se condenados poderão pegar pena de um a três anos de detenção. Os pescadores também foram autuados administrativamente e receberam multa de R$ 6.980,00 cada um, totalizando R$ 34.900,00. Com informações da assessoria de imprensa da PMA.

PUBLICIDADE