PUBLICIDADE

Isolamento social segue na contramão da Covid-19 que já atinge 32 municípios de MS

Portal de Notícias de MS em 14 de Maio de 2020

Na contramão do avanço do novo coronavírus, o isolamento social em Mato Grosso do Sul continua em queda. Não é novidade para ninguém que a medida é a principal arma para conter a pandemia da Covid-19, porém o distanciamento segue em sentido contrário e o índice nos dias úteis da semana dificilmente tem superado os 40%.

No mapeamento referente a quarta-feira (13) o percentual de sul-mato-grossenses que evitaram sair às ruas foi de apenas 38,9%. O índice atinge o mesmo patamar da primeira quinzena de março, quando os primeiros casos surgiram no Estado. O relaxamento das medidas de quarentena por parte da população, acontece ao mesmo tempo em que o número de casos e de mortes tem aumentado.

Apesar do crescimento exponencial da doença nos municípios do interior do Estado, as maiores movimentações têm sido registradas nas cidades menores. Douradina (31,4%), Antônio João (33,3%), Laguna Carapã (34,1%), Nova Alvorada do Sul (34,5%), e Deodápolis (35,6%) ocupam os últimos lugares no ranking de isolamento social referente a quarta-feira.

Apenas o município de Paranhos com 62,5%, atingiu índice próximo ao ideal que é de 70%. Na sequência, Aral Moreira (58,1%), Tacuru (56,7%), Figueirão (53,3%), Brasilândia (52,2%) e Guia Lopes da Laguna (51,5%) estão entre as regiões onde mais pessoas seguiram os protocolos de quarentena. Campo Grande também registrou queda no distanciamento social com relação ao dia anterior, e a taxa média registrada para o dia foi de 38,9%. 

Durante apresentação do boletim epidemiológico atualizado desta quinta-feira (14) o secretário de saúde, Geraldo Resende reforçou que a contribuição de cada cidadão será fundamental nos próximos dias que podem ter aumento expressivo de casos devido ao frio e chuva. “Nos ajudem nessa luta. É preciso estarmos vigilantes. O vírus é ardiloso e altamente contagioso. Em Guia Lopes uma só pessoa conseguiu contaminar 52 pessoas”, exemplificou. “A palavra de ordem que estamos ditando a população de MS: fique em casa”.

Nas últimas 24 horas houve aumento de 22 novos pacientes confirmados com a doença e mais um óbito. De maneira macro, o Estado contabiliza 452 infectados, sendo, 215 recuperados e 14 mortes provocados pelo novo coronavírus. Até o momento, a Covid-19 tem casos confirmados em 32 municípios de Mato Grosso do Sul. O boletim detalhado pode ser conferido aqui.

PUBLICIDADE