PUBLICIDADE

FASP começa nesta terça com mostra de cinema, mas abertura oficial é na quinta; veja a programação

Leonardo Cabral em 12 de Novembro de 2019

Anderson Gallo/ Diário Corumbaense

Festival América do Sul Pantanal chega em sua 15ª edição trazendo homenagem ao rio Paraguai

Com mais de 50 atrações regionais, nacionais e internacionais, começa oficialmente na quinta-feira, 14 de novembro, a 15ª edição do Festival América do Sul Pantanal, em Corumbá, Ladário e nas cidades bolivianas de Puerto Quijarro e Puerto Suárez. Porém, Corumbá já começa a respirar o intercâmbio cultural dos países da América do Sul a partir desta terça-feira, 12, quando atividades ligadas ao FASP acontecem em alguns locais no município pantaneiro.

O cinema é a primeira atividade. A partir das 09h, na Praça CEU Heloísa Urt, no bairro Jardim dos Estados, acontece a exibição do filme “Turma da Mônica – Laços”, com classificação até seis anos de idade.

O filme traz a história de Floquinho, o cachorro do Cebolinha (Kevin Vechiatto), que desapareceu. O menino desenvolve então um plano infalível para resgatar o cãozinho, mas para isso vai precisar da ajuda de seus fiéis amigos Mônica (Giulia Benite), Magali (Laura Rauseo) e Cascão (Gabriel Moreira). O filme volta a ser exibido no mesmo local às 15h de hoje.

Já às 19h, também na Praça Helô Urt, acontece também a mostra do filme “Benzinho”, drama (Brasil e Uruguai), com classificação até 12 anos. O filme conta a história do primogênito de uma família de classe média que é convidado para jogar handebol na Alemanha e lança sua mãe (Karine Teles) em uma espiral de sentimentos, pois, além de ajudar a problemática irmã (Adriana Esteves), lidar com as instabilidades do marido (Otávio Müller) e se desdobrar para dar atenção aos seus outros filhos, ela terá de enfrentar sua partida antes de estar preparada para isso.

Já na quarta-feira, 13 de outubro, a praça Helô Urt, voltará a receber a exibição dos filmes “Turma da Mônica – Laços” e “Benzinho”. Todas as exibições acontecerão no mesmo horário às 09h, 15h e 19h.

O lançamento oficial do FASP acontece na quinta-feira, 14 de novembro, às 20h, no Palco Integração, localizado na Praça Generoso Ponce, onde também está montada a estrutura do festival, na Avenida General Rondon.

Logo após o lançamento, o público poderá acompanhar, às 21h, a apresentação da Orquestra de Instrumentos Reciclados de Cateura [Paraguai]. E encerrando a primeira noite oficial do Festival América do Sul Pantanal, às 22h20, o show nacional com a dupla Zezé di Camargo e Luciano.

Divulgação

Artistas nacionais farão shows durante o festival em Corumbá

O FASP terá inúmeras atividades nos quatro cantos da região pantaneira, com o objetivo de enfatizar ainda mais a união entre os povos, através do respeito, da paz e da democracia. O festival também receberá Diogo Nogueira, Paralamas do Sucesso e Lucy Alves. Haverá apresentações musicais em três palcos: Integração, onde ocorrem os maiores espetáculos; no Moinho Cultural, anunciado como “som mais intimista” e, e em Ladário, vizinha a Corumbá. Estão previstas também apresentações de grupos teatrais, circenses e de dança do Brasil, Peru, Argentina, Bolívia e Uruguai. Elas acontecem no espaço Caixa Cênica e na Tenda Rio Paraguai, no Porto Geral.

O FASP acontecerá de 14 a 17 de novembro, com apresentações, shows culturais, teatro, música, danças, literatura, cinema, artes plásticas, artesanatos e palestras.

Rio Paraguai, o grande homenageado

O rio que encanta os turistas que visitam Corumbá, que é alvo de fotos e vídeos, cenário de passeios e pano de fundo de encantamento e declarações de amor, é o grande homenageado desta edição do Festival América do Sul Pantanal. E muito além de sua beleza e sua presença constante como cenário das atrações, o rio Paraguai é o elo que países sul-americanos.

Confira a programação completa clicando aqui.

PUBLICIDADE