PUBLICIDADE

Corumbá e Ladário firmam compromisso para implantar aterro sanitário

Da Redação em 10 de Maio de 2019

Gisele Ribeiro/PMC

Prefeitos Iranil (de Ladário) e Marcelo Iunes (de Corumbá), formalizaram compromisso

As prefeituras de Corumbá e Ladário, firmaram na manhã desta sexta-feira, 10 de maio, compromisso de instituírem as Comissões Especiais de acompanhamento para implantação do Aterro Sanitário que será gerido por Consórcio Público Intermunicipal, que atenderá as duas cidades. Sua implantação atende ao disposto na Lei nº 12.305/2010, que trata da Política Nacional de Resíduos Sólidos e outros regulamentos específicos. 

O Município de Corumbá dará seguimento aos projetos executivos e a finalização do Termo de Referência visando iniciar os procedimentos licitatórios, visto que já foram aprovados pelo Fonplata, tendo, inclusive disponibilizado recursos para o avanço dessas tratativas. 

"A partir do momento que se estabelece um consórcio entre as cidades, é necessário constituir uma associação pública com a participação dos dois municípios. Com a constituição, temos o primeiro passo que é a assinatura dessas intenções para aquisição da área e para início dos projetos", explicou o procurador-geral do Município, Alcindo Cardoso do Valle Junior. 

O aterro será construído em Ladário, em uma área de cerca de 70 hectares localizada na região próxima ao posto fiscal Lampião Aceso. "Formalizamos os procedimentos para darmos o próximo passo, que considero importante, que é a desapropriação do espaço onde será construído o aterro sanitário. A desapropriação é responsabilidade de Ladário. Após concretizarmos a desapropriação, Corumbá inicia o processo de licitação para definir a empresa que vai construir o aterro sanitário", disse o prefeito ladarense Iranil Soares. 

"Saímos daqui com as condições para que Ladário dê entrada ao processo de desapropriação da área. Temos o aval do Fonplata, que também vai ter participação no projeto e já começamos a desenhar a construção do aterro. Seremos pioneiros no estado", afirmou Marcelo Iunes, prefeito de Corumbá. Com informações da assessoria de comunicação da PMC. 

PUBLICIDADE