Dupla é flagrada com cerca de R$ 431 mil e tenta subornar policiais para não ser presa

Leonardo Cabral em 02 de Março de 2020

Foto montagem Diário Corumbaense

Policiais do Choque da PM apreenderam dólares, reais e chaves michas

Dois homens, um de 32 anos e outro de 49 anos, foram presos por corrupção ativa, por volta da 00h02, desta segunda-feira, 02 de março, durante fiscalização da Operação Hórus, no Posto Fiscal Lampião Aceso, na BR-262, em Corumbá. Com a dupla, equipe do Batalhão de Choque da Polícia Militar de MS, apreendeu R$ 120 mil e 69,786 mil dólares.

Com os homens, que eram passageiros de um ônibus que fazia linha Corumbá - Campo Grande, também foi apreendido um jogo de chave "micha", contendo 10 unidades.

O primeiro a ser abordado foi o homem de 32 anos, que estava no assento n° 46. Ele apresentou nervosismo com a presença dos policiais, o que levantou suspeita. Nas buscas pessoais e dentro de sua bagagem, uma mochila preta, foram encontrados  R$ 120.000,00, 49 mil e 786 dólares, o jogo de chave micha e 3 chaves tipo tetra.

O segundo indivíduo, se apresentou como "amigo" do homem abordado e confirmou que estavam viajando juntos. Os policiais do Choque fizeram a vistoria e embaixo da palmilha do par de tênis que calçava, havia a quantia de 20 mil dólares. 

Os dois tentaram subornar os policiais, oferecendo todo o dinheiro encontrado, para serem liberados. Mas, eles foram presos pelo crime de corrupção ativa.

Sobre a origem do dinheiro, ambos disseram que atuavam como "mula" e que no dia anterior fizeram uma viagem de ônibus da cidade de São Paulo/SP até Puerto Suárez, Bolívia, que fica localizada na fronteira com Corumbá, no intuito de comprar 10 quilos de cocaína. A droga teria como destino a capital paulista e seria entregue para uma mulher.

No entanto, eles revelaram que estavam voltando com o dinheiro por não terem fechado "negócio", pois a droga era de "baixa qualidade". 

Ao todo, o prejuízo aos criminosos foi de 431 mil reais, com o valor dos dólares já convertidos.

PUBLICIDADE