PUBLICIDADE

Cacique e índio são presos por furto e exploração ilegal de madeira

Leonardo Cabral em 29 de Setembro de 2019

Divulgação/ PMA

Cacique e índio foram presos em flagrante por derrubada de madeira

Cacique de 48 anos e outro indígena de 36 anos, da Aldeia Bananal, em Aquidauana, foram presos e autuados por furto e exploração ilegal de madeira em uma fazenda, localizada próxima a aldeia dos indígenas. No sábado, 28 de setembro, os índios foram flagrados por policiais militares ambientais em um trator dentro da mata, derrubando árvores com motosserras e retirando madeira da propriedade rural sem autorização.

Funcionários da fazenda acionaram a PMA, que flagrou a derrubada ilegal de árvores das espécies aroeira, jatobá e piúva. 

Divulgação/ PMA

Trator e equipamentos utilizados para derrubar as árvores foram apreendidos

O trator com a carreta, duas motosserras e 4,7 m³ de madeira foram apreendidos. Os infratores foram presos e levados para a delegacia de Polícia Civil de Aquidauana, onde foram autuados em flagrante por furto e exploração ilegal de madeira.

A pena para o crime ambiental é de seis meses a um ano de detenção. O furto prevê pena de um a quatro anos de detenção. Os indígenas também foram autuados administrativamente e multados em valor total de R$ 3.850,00. Com informações da PMA

PUBLICIDADE