PUBLICIDADE

Nova interrupção na internet parou diversos serviços em Corumbá e Ladário

Rosana Nunes e Leonardo Cabral em 09 de Setembro de 2019

A população de Corumbá e Ladário voltou a ficar sem internet banda larga, na tarde desta segunda-feira, 09 de setembro. A conexão foi interrompida por volta das 13h30 e começou a ser restabelecida às 18h.

O mesmo problema havia ocorrido na tarde de sábado (07), feriado da Independência, quando as duas cidades ficaram cerca de sete horas sem internet.

Mas, nesta segunda-feira, os prejuízos com a falta de conexão foram bem maiores. O sistema das agências bancárias não funcionou e os clientes não conseguiram pagar contas, sacar ou fazer qualquer outra operação durante a interrupção.

Pior também para comerciantes que precisam das máquinas de cartões de crédito e de débito para realizar vendas. Foi o caso de Imad Machni, que tem duas lojas Hering no centro da cidade e está realizando promoções para atrair a clientela.

“No sábado já foi um transtorno danado. Os clientes deixaram produtos separados e ficaram de voltar hoje para concretizar as compras pelo cartão. Só que novamente ocorreu o problema e tivemos prejuízo porque a desistência representou 30% de queda nas vendas. É um absurdo isso, já estamos fazendo promoções para tentar aumentar o movimento e acontece isso”, contou Imad ao Diário Corumbaense.

Leonardo Cabral/Diário Corumbaense

Eleitores passaram a tarde esperando conexão da internet voltar e foram embora sem realizar o cadastramento biométrico

A falta de conexão parou todas as empresas e serviços que dependem da internet banda larga. Até mesmo a Justiça Eleitoral, que está realizando o cadastramento biométrico obrigatório até 31 de outubro, não teve condições de atender os eleitores. Alguns ainda ficaram esperando, em vão, o sistema voltar; outros foram embora.

“A gente não consegue fazer nenhum atendimento sem a conexão e aí acaba acumulando todo esse movimento para quando voltar a internet. Causa mais transtorno ainda para o eleitor que já tem dificuldade em vir até os cartórios. Mas, não é um problema nosso, a gente fica de mãos atadas”, disse Anselmo Nina Júnior, chefe do cartório da 7ª Zona Eleitoral.

O operador de máquinas, Alex Monteiro Pinheiro, foi um dos eleitores que procuraram a Justiça Eleitoral nesta tarde. Mas, saiu sem realizar o cadastramento e sem saber quando poderá voltar. “Eu trabalho na área rural e aproveitei a folga. Agora não sei quando terei outra oportunidade”, contou frustrado.

Oi diz que queimada causou rompimento

A assessoria de imprensa da Oi, operadora responsável pelo serviço, informou que houve rompimento de cabo de fibra óptica, provocado por um incêndio em vegetação na região do Porto Morrinho, distante cerca de 70 quilômetros de Corumbá.

O problema, segundo a empresa, ocorreu no sábado e novo rompimento de fibra, ainda em consequência dos incêndios que atingem a região, foi registrado hoje.  

Pedágio

Esses incêndios às margens da BR-262, também causaram o fechamento do pedágio da ponte sobre o rio Paraguai, no Porto Morrinho, nesta segunda-feira, por 40 minutos. 

Os focos são combatidos por bombeiros e brigadistas do Prevfogo desde o fim de semana. Mas o tempo seco e a baixa umidade do ar dificultam o trabalho. 

Divulgação/Prevfogo

Fogo atinge a região de Porto Morrinho, na BR-262, desde o fim de semana

PUBLICIDADE