Suécia vence Coréia do Sul e divide liderança com México no grupo F

ESPN em 18 de Junho de 2018

Getty

Granqvist abre o placar para a Suécia contra a Coreia do Sul

A falta de pontaria e oportunismo da seleção da Suécia deve ter deixado muito torcedor com saudades de Ibrahimovic. Mas, com um pênalti marcado com ajuda do VAR, os suecos conseguiram balançar a rede na estreia na Copa do Mundo.

Com gol de Granqvist, no segundo tempo, a Suécia venceu a Coreia do Sul por 1 a 0 e se igualou ao México na liderança do grupo F, deixando Coreia e Alemanha zeradas após a primeira rodada. No próximo sábado os duelos serão entre Coreia do Sul e México, ao meio dia (de Brasília), e Suécia e Alemanha, às 15 horas.

Se, seu maior artilheiro, a Suécia criava, mas não conseguia marcar. Aos 17, a defesa apareceu na hora certa para impedir a finalização de Granqvist, e dois minutos depois foi o goleiro Jo fez grande defesa para defender o chute de Berg dentro da pequena área.

 Aos 20, foi Jansson errando o alvo na tentativa de cabeça. Oito minutos depois, Kim Young-Gwon travou Berg no último instante, e aos 42 o camisa nove errou feio o chute cruzado que tentou.

O lance polêmico da primeira etapa saiu aos 43, quando Ki Sung-Yueng desarmou Toivonen e acertou o sueco em seguida. Apesar dos pedidos de pênalti, a arbitragem mandou o jogo seguir e não foi olhar o lance no VAR.

O segundo tempo o cenário parecia o mesmo. Depois de uma das poucas chances sul-coreanas com Koo Já-Cheol, aos nove, Jo salvou mais uma vez no cabeceio de Toivonen.

Nova polêmica aos 17, quando Kim Min-Woo acertou apenas Claesson na tentativa de desarme dentro da área. Mais uma vez o juiz mandou o jogo seguir e só parou o jogo quando a bola estava no campo de ataque da Coreia do Sul.

Depois da revisão pelo vídeo, o pênalti foi marcado e, aos 19, Granqvist deslocou o goleiro para colocar a Suécia em vantagem.

O jogo inverteu, com os coreanos partindo ao ataque enquanto a Suécia tentava garantir o resultado. A melhor chance do time asiático saiu já nos acréscimos, quando Hwang Hee-Chan apareceu livre no meio da área para finalizar de cabeça, mas errou o alvo e viu a bola sair à direita do gol defendido por Olsen.

 

PUBLICIDADE