PUBLICIDADE

Fuzileiros navais de Ladário são presos com 30 quilos de cocaína em São Paulo

Campo Grande News em 09 de Abril de 2018

Divulgação/Polícia Militar SP

No total, foram apreendidos 30 quilos de cocaína

Cinco pessoas foram presas, entre elas dois fuzileiros navais de Mato Grosso do Sul, acusadas de envolvimento com o tráfico de drogas. O flagrante aconteceu na madrugada desta segunda-feira (09), na região do Pari, no Centro de São Paulo. Elton Passarin, de 27 anos, o técnico em refrigeração Wellington Andrew da Silva Garcia, de 31 anos, ambos moradores de Corumbá, foram presos junto com Roger Jimenez Vargas Neto, 26, e Jônathas Santos de Carvalho, 24, que são militares da Marinha de Ladário, em blitz do Batalhão de Trânsito da PM de São Paulo. Também foram presos o comerciante Lucio Cesar Pires Viana, de 36 anos, que é de Campo Grande, e Lucia Regina dos Pires, de 53 anos, moradora da Araçatuba (SP).

Conforme o Batalhão de Trânsito da Polícia Militar, a equipe fazia uma blitz na ponte das Bandeiras, quando abordou o motorista que seguia em um veículo VW Gol. Dentro do carro, foram encontrados cerca de 30 kg de cocaína.

A droga, que saiu do Mato Grosso do Sul, seria distribuída no Centro de São Paulo. O condutor do carro se identificou como fuzileiro naval, do 6º Distrito Naval, em Ladário. Ele confessou aos policiais que estava transportando a droga e contou com a ajuda de um colega, também fuzileiro. Além disso, o suspeito informou que outras três pessoas estariam esperando pela droga.

O homem disse aos policiais que estas pessoas estavam no Hotel Canindé, na rua Carnot. A equipe policial, então, foi até o local e encontrou os suspeitos. O outro fuzileiro que teria ajudado no transporte da cocaína, foi localizado no Hotel Village, na rua Prates, no Bom Retiro. Os três civis e os dois fuzileiros foram conduzidos ao 13º Distrito Policial (Casa Verde), onde o caso foi registrado. Com informações do site R7. (matéria editada para atualização de informação)

PUBLICIDADE