PUBLICIDADE

Arrependido, homem que rompeu tornozeleira eletrônica se entrega à Base de Monitoramento

Leonardo Cabral em 13 de Julho de 2021

Divulgação/Polícia Penal

Homem se arrependeu e se entregou à Polícia Penal

Arrependido por romper a tornozeleira eletrônica, indivíduo de 21 anos, acabou se entregando na segunda-feira, 12 de julho, na Base de Monitoramento da Comarca de Corumbá, que fica na área central da cidade. Foram pouco mais de 24h, sem monitoramento eletrônico.

O autor foi condenado por tráfico de drogas a pena de mais de sete anos de reclusão. Na noite de sábado (10), ele rompeu o equipamento e ontem (12), dizendo-se arrependido do ato de indisciplina, se entregou.

O detido foi encaminhado para Delegacia de Polícia Civil de Corumbá, e posteriormente, conduzido ao Presídio Masculino, ficando à disposição da Justiça. A detenção dele faz parte de mais uma fase da operação Arbitrium, da Polícia Penal da UMMVE (Unidade de Monitoramento Virtual Estadual de Corumbá).

O nome da operação é uma referência às determinações impostas pelo Judiciário durante o cumprimento da pena em seus respectivos Regimes. O descumprimento dessas regras, serão punidas em consonância a LEP – Lei de Execução Penal, Provimento do 151/2017 - TJ/MS e RIBUP (Regimento Interno das Unidades Penais do MS).

PUBLICIDADE