PUBLICIDADE

Dois são alvos de operação da PF que combate lavagem de dinheiro e tráfico de drogas em Corumbá

Leonardo Cabral em 24 de Junho de 2021

Divulgação/Polícia Federal

R$ 18 mil foram apreendidos em Corumbá, conforme a PF

Duas pessoas em Corumbá, foram alvo da Operação Camarim, deflagrada pela Polícia Federal, nesta quinta-feira, 24 de junho. Também houve investigação na cidade de Leopoldina, Minas Gerais.

A operação trata-se da fase ostensiva de investigação policial que apurou a prática de lavagem de dinheiro, tendo como infração penal antecedente o crime de tráfico de drogas.

Diário Corumbaense apurou que os investigados em Corumbá têm idades de 47 e 50 anos. Foram decretados pela Justiça, busca e apreensão, sequestro de bens e monitoramento eletrônico de um dos envolvidos. A PF ainda apreendeu R$ 18 mil em dinheiro. Já o investigado de Leopoldina tem 32 anos. Celulares também foram apreendidos pelos agentes federais.

De acordo com a PF, os envolvidos utilizavam de empresas de pequeno porte para prática da lavagem de capitais. Entre os anos de 2014 e 2021, o grupo realizou diversas operações bancárias atípicas que alcançaram a cifra de R$ 21 milhões, destoando da real capacidade financeira.

Divulgação/Polícia Federal

Operação aconteceu em Corumbá e na cidade mineira de Leopoldina

Os investigados possuem passagens por crime contra o Sistema Financeiro Nacional, posse ilegal de arma de fogo e tráfico de drogas. Um deles já está preso por tráfico de entorpecente.

A Delegacia da Polícia Federal em Corumbá mantém canal de denúncias anônimas através do e-mail uip.cra.ms@pf.gov.br e do telefone 67 99131 9355. Caso saiba de informações sobre este ou outros casos de competência da PF, entre em contato.

Operação Camarim

A denominação alusão ao nome fantasia de uma das empresas utilizadas pelos investigados para a prática criminosa. A empresa não existe mais, porém, continuou realizando movimentações financeiras mesmo após ser baixada.

Com informações da Ascom da Polícia Federal. 

PUBLICIDADE