PUBLICIDADE

Homem morre um dia depois de ser esfaqueado no Vitória Régia

Leonardo Cabral em 12 de Novembro de 2020

Homem identificado como Mauricio Alves de Magalhães, de 35 anos, morreu por volta das 18h36, de quarta-feira, 11 de novembro. Ele foi esfaqueado, socorrido por uma equipe do Serviço Móvel de Urgência e Emergência (SAMU), mas não resistiu aos ferimentos.

O boletim de ocorrência 4016/2020, o qual o Diário Corumbaense teve acesso, informa que a vítima foi esfaqueada na terça-feira (10), quando estava em um bar, no conjunto Vitória Régia, porém, o caso de esfaqueamento não havia sido registrado na Polícia Civil. 

O registro do BO só foi feito ontem (11), quando uma assistente social, que trabalha na Prefeitura de Corumbá, foi até a Delegacia informar a morte de Maurício. Ela revelou que a vítima deu entrada no hospital na terça-feira, com ferimentos causados por uma faca.

Um amigo de Mauricio, contou que eles trabalhavam juntos e que no dia do esfaqueamento saíram juntos do serviço, cada um para sua residência. Às 21h30 daquela noite, um rapaz foi à sua residência para avisá-lo que seu amigo havia sido esfaqueado. De imediato a testemunha foi até a conveniência e tentou socorrê-lo, mas após 15 minutos, chegou uma equipe do SAMU e o encaminhou ao hospital.

Algum tempo depois, uma mulher, se identificando como irmã de Maurício, foi até a Delegacia contar que foi informada de que o autor do esfaqueamento discutiu com a vítima, antes de cometer o crime. O suspeito estava em uma moto e seria morador daquela região.

PUBLICIDADE