PUBLICIDADE

Confusão na Maternidade acaba com marido de paciente e médico na delegacia

Leonardo Cabral em 25 de Março de 2020

Confusão na Maternidade de Corumbá, acabou com um médico plantonista e um homem, que queria assistir o parto da esposa na Delegacia de Polícia Civil. O caso aconteceu por volta das 20h50, de terça-feira, 24 de março.

Equipe da Polícia Militar foi acionada e ao chegar na Maternidade, foi informada pelo médico que o esposo de uma paciente gestante, disse que queria entrar para assistir o parto no momento em que o centro cirúrgico estava sendo preparado. Ainda conforme ele, a equipe médica explicou as medidas de prevenção ao coronavírus, e que por tal motivo a presença de acompanhantes estava suspensa. Além disso, não havia material de proteção para acompanhantes de pacientes.

O homem ficou irritado e disse que entraria de qualquer forma, que acionaria órgãos competentes para realizar uma denúncia, e que chamaria a Polícia Militar. O médico tentou contê-lo, mas segundo ele, foi empurrado pelo indivíduo.

Os próprios pm’s, diante do que foi explanado pela equipe plantonista, tentaram explicar para o homem sobre o motivo do impedimento de sua entrada no centro cirúrgico. Ambas as partes foram conduzidas para a 1ª Delegacia de Polícia Civil depois que o procedimento medico foi realizado.

PUBLICIDADE