PUBLICIDADE

Trio é preso com dois carros de locadoras que teriam como destino a Bolívia

Leonardo Cabral em 07 de Novembro de 2019

Divulgação/ PRF

Veículos foram apreendidos na BR -262 quando seguiam para Corumbá

Dois carros que teriam como destino a Bolívia, foram apreendidos pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) com três homens, sendo dois de 27 anos e um de 24 anos. Os veículos, pertencentes a locadoras de Minas Gerais e São Paulo foram recuperados no km 602 da BR-262, durante fiscalização nesta quinta-feira (07).

O primeiro carro abordado foi um Chevrolet/Cobalt, placas de Belo Horizonte (MG), conduzido pelo indivíduo de 27 anos e tendo como passageiro o rapaz de 24 anos. Ao ser questionada sobre o motivo da viagem, a dupla entrou em contradição, levando os agentes da PRF a entrarem em contato com a empresa de aluguel de veículos, que acabou informando que o automóvel foi locado ontem (06) em São Paulo (SP).

Depois disso, os suspeitos confessaram que trariam o veículo até Corumbá e depois atravessariam para a Bolívia para ser revendido.

Horas depois, no mesmo ponto de fiscalização, os agentes abordaram um Hyundai/HB20, placas também de Belo Horizonte (MG). Ao ser indagado sobre a viagem, o condutor também deu respostas contraditórias. Porém, confessou que reside em Corumbá e teria viajado até Campo Grande para buscar o veículo e seguir para a fronteira com a Bolívia.

Foi realizado o contato com a empresa de locação, proprietária do carro, que informou aos policiais que um boletim de ocorrência de furto foi registrado em Santo André (SP). Sem saída, o condutor disse que receberia R$ 500 pelo serviço de transporte.

Os três homens e os carros foram encaminhados à Polícia Civil de Miranda. Com essa apreensão, já são três carros recuperados pelos agentes da PRF na BR-262 em 24 horas. Na tarde de ontem (06), um Renault/Captur, também alugado, foi apreendido em Miranda.

Comentários:

Helmut Martines da Silva: Parabéns aos agentes federais, civis e militares, que se dedicam a inibir o crime, nas suas mais variadas formas. Infelizmente, muitos ainda pensam que o crime "compensa"... Devemos viver do suor, da nossa dignidade e de nossa honestidade.

PUBLICIDADE