PUBLICIDADE

Dois são presos na fronteira por furto e receptação de carreta

Leonardo Cabral e Rosana Nunes em 28 de Agosto de 2019

Divulgação/PM

Dupla presa e o dinheiro apreendido

Homens identificados pelas iniciais E.N.A., de 32 anos e A.L.D.C., de 23 anos, foram flagrados com uma quantia em dinheiro, que somado, totalizou R$ 10.950,00. Parte do montante era proveniente da venda de uma carreta, cor vermelha, marca Volvo, que foi levada para a Bolívia.

A dupla estava em um carro modelo Gol, de cor branca, e ao passar pela barreira de fiscalização do Posto Esdras, localizado na fronteira entre Corumbá e Bolívia, por volta das 23h40 de terça-feira, 27, foi parada por um fiscal da Receita Federal. Na revista, o dinheiro foi encontrado e em seguida o servidor acionou a Força Tática da Polícia Militar.  

O homem de 32 anos acabou revelando que veio da cidade de Campinas/São Paulo, conduzindo uma carreta que foi dada a ele, por um indivíduo conhecido como “Nego”, e trouxe até a entrada de Corumbá, onde outro homem "gordo", já o esperava em uma motocicleta de cor preta, dando ordem para que ele seguisse até o lixão da cidade, na entrada do assentamento Taquaral. 

Depois, ele foi até a Bolívia e deixou a carreta com receptador, recebendo a quantia de R$ 7 mil. O comparsa, de 23 anos, foi com seu carro, o Gol, para buscá-lo e levá-lo até a Rodoviária Intermunicipal de Corumbá, e recebeu mais R$ 3.950,00. Os dois foram presos e levados para a 1ª Delegacia de Polícia Civil, acusados de furto e receptação. 

Ocorrência semelhante, também foi registrada ontem (27) no Posto Esdras, quando dois homens foram flagrados com R$ 11 mil depois de deixarem um Fiat Toro de locadora no lado boliviano da fronteira.

PUBLICIDADE