Menu

Fale Conosco Expediente Buscar

Corumbá, MS
20 de Junho de 2018
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Com pontes fechadas, só pedestres entram ou saem de Aquidauana

Campo Grande News em 21 de Fevereiro de 2018

As chuvas que caíram sobre Aquidauana durante todo o dia de ontem (20) deixaram a cidade isolada. Neste momento, apenas pedestres conseguem deixar ou entrar na cidade, por meio de uma acesso improvisado construído pelo Exército. Até mesmo a vice-prefeita do município, Selma Suleiman, não consegue voltar para a cidade.

"Estou em Campo Grande, de malas prontas, e não consigo voltar porque fechou tudo. As condições na ponte nova e na ponte velha não permitem que carros passem por esses locais", revelou Selma ao Campo Grande News.

Divulgação/Exército

Equipe do Exército construiu passarela para garantir ao menos o acesso de pedestres ao município

Para que a passarela improvisada fosse concluída, o trabalho do militares começou por volta das 23h30 de ontem e só terminou às 04h."Nossas equipes trabalharam durante toda a madrugada para construir a ponte que chamamos de 'passadeira', após recebermos o comunicado da Defesa Civil solicitando apoio", afirmou o tenente-coronel Fábio Batista Bogoni.

Ainda segundo ele, quatro equipes foram montadas para atuar durante a cheia do rio Aquidauana, no qual o nível da água já passa dos 8 metros e desabrigou ao menos 40 famílias ribeirinhas.

Desse total, uma ficou responsável pela construção da passarela, enquanto outras duas atuaram na retirada de moradores das áreas alagadas. Com caminhões, barcos e coletes salva vidas, os militares auxiliaram na retirada das famílias e de alguns pertences dos imóveis. Ao menos 20 famílias foram atendidas pelo Exército.

Divulgação/Exército

Militares auxiliaram na retirada de famílias ribeirinhas

A outra equipe de militares trabalha com ajuda de equipamentos de engenharia, na remoção de entulhos em áreas mais afetadas. Ainda de acordo com o tenente-coronel, veículos nem mesmo os veículos mais pesados estão passando pelas pontes, por conta da elevação do nível do rio e a força das águas. "Até então somente os carros de passeio não estavam passando, mas agora de manhã eu já fui informado que o fluxo de veículos voltou a ser interrompido por completo", concluiu.

De acordo com o site O Pantaneiro, a prefeitura do município solicitou a organização de um local para base de apoio de famílias que precisarem de abrigo, visando fornecimento de alimentação e kits emergenciais no caso de famílias necessitarem desse auxílio. A reportagem tentou contato com o prefeito, Odilon Ribeiro, e com o coordenador da Defesa Civil local, mas não tivemos nossas ligações atendidas.

 

Saiba mais

06/03/2018 Chuvas: 22 cidades estão em situação de emergência em MS

01/03/2018 Chuvas arrancam asfalto e causam alagamentos em 2 cidades de MS

28/02/2018 Estado declara situação de emergência em mais sete cidades de MS

26/02/2018 "Chuvarada" afeta a vida de 140 mil famílias, segundo Defesa Civil

26/02/2018 Desbravadores arrecadam mais de 1 tonelada de alimentos para desabrigados por enchentes

22/02/2018 Governo do Estado destina R$ 800 mil para desabrigados em Aquidauana e Anastácio

22/02/2018 Clube de Desbravadores faz campanha para ajudar famílias desabrigadas por enchentes

22/02/2018 Sem chuva, rio baixa 3 metros e tráfego aos poucos vai sendo liberado em pontes

22/02/2018 Governador se reúne hoje com prefeitos de cidades afetadas por chuvas e cheias

21/02/2018 Com rio acima do normal, Aquidauana deve decretar situação de emergência

21/02/2018 Clima em Miranda é de alerta para cheia do rio

21/02/2018 Reinaldo vai a Aquidauana acompanhar situação de famílias desabrigadas pela enchente

02/02/2018 Governo reconhece situação de emergência em municípios de sete estados

25/01/2018 Chuvas: já são 10 municípios em situação de emergência estadual

15/01/2018 Situação de emergência por causa da chuva é confirmada em 7 cidades de MS

14/01/2018 Defesa Civil inicia serviço de alerta de desastres naturais via SMS

13/01/2018 Rocha se desprende de encosta e ameaça cair sobre varanda de casa

10/01/2018 Prejuízos da chuva em 13 cidades de MS já passa dos R$ 13 milhões

10/01/2018 Chuva provoca novo estrago e rodovia MS-338 é completamente interditada

09/01/2018 Com chuvas, Defesa Civil amplia monitoramento em áreas de risco

09/01/2018 Deslizamento compromete estrutura de residência no bairro Cristo Redentor

Ações e Compartilhamento
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE