PUBLICIDADE

Idosa é ameaçada de morte por filho adotivo

Leonardo Cabral em 10 de Maio de 2019

Idosa de 73 anos foi vítima de violência doméstica e ameaça, na quinta-feira, 09 de maio, por volta das 16h30, em sua residência, localizada na rua Oriental, bairro Centro América. O acusado, é seu filho adotivo, homem de 32 anos, que estava sob efeito de álcool.

Conforme a idosa, tudo teve início quando o autor agrediu a esposa no dia anterior. Ao saber do fato, ela repreendeu o filho, que ficou na casa dela e começou a beber. Neste momento, um rapaz com problemas mentais chegou na residência e então, o acusado queria obrigá-lo a ingerir bebida alcoólica. Como ele recusou, acabou sendo agredido com um tapa no rosto e saiu do imóvel.

Ao ver a cena, a idosa foi tomar satisfação do filho adotivo, que, enfurecido, foi pra cima dela, mas a vítima foi defendida pelo seu outro filho, que usou um cabo de vassoura para conter o agressor. A vítima chamou a Polícia Militar e o homem foi preso. Ao deixar a casa, ele ameaçou a mãe e o irmão: “eu vou embora, mas vou voltar para matar vocês”.

Ele foi levado a Delegacia de Polícia Civil, onde foi registrado o boletim de ocorrência número 1765/2019.

PUBLICIDADE