Açougueiro é preso suspeito de estuprar enteadas de 9 e 12 anos

Campo Grande News em 07 de Setembro de 2018

Um açougueiro de 46 anos, que não teve o nome divulgado para proteger as vítimas, foi preso nesta quinta-feira (06) em cumprimento a mandado de prisão. Ele é suspeito de estuprar duas enteadas, de 9 e 12 anos, em Coxim, a 260 km de Campo Grande.

O pedido de prisão foi feito pela delegada Sandra Regina Simão de Brito durante as investigações. A equipe da DAM (Delegacia de Atendimento à Mulher) localizou o açougueiro no escritório de seu advogado em Pedro Gomes, a 309 km de Campo Grande.

A vítima, de apenas 12 anos, teria flagrado o suspeito abusando da irmã de 9 anos, em uma residência no bairro Vila Bela, em Coxim. Após ver a cena, a própria menina acionou o Conselho Tutelar e relatou anos de abuso, antes que a irmã passasse pela mesma situação. O caso repercutiu em toda a região Norte do Estado.

O suspeito havia sido preso recentemente pelo não pagamento de pensão alimentícia, mas após o pedido da delegada titular da DAM, a justiça expediu um mandado de prisão.

Os abusos

A menina de 12 anos contou ao Conselho Tutelar que os abusos começaram em 2017 e nunca havia contado a ninguém por medo de que algo acontecesse a ela, a mãe e a irmã. A menina relatou que o padrasto cometeu o primeiro estupro, quando ainda moravam em uma fazenda no Pantanal. O suspeito teria ameaçado matar toda a família se a menina contasse.

Os fatos se repetiram por inúmeras vezes e a vítima, inclusive, foi obrigada a tomar remédio para evitar gravidez. A vítima relatou que a mãe também era agredida. Para fugir das agressões, mãe e filhas se mudaram para Campo Grande, mas logo depois voltaram a morar com o agressor.

PUBLICIDADE