Golpistas tentam enganar contribuintes com "intimação" em nome da Receita Federal

Campo Grande News em 06 de Agosto de 2018

Reprodução

Modelo da carta enviada por golpistas para contribuintes de todo o país

A Receita Federal tem alertado a população para uma tática que criminosos estão usando para aplicar golpes na praça. Além de mensagens falsas pela internet, eles estão se aproveitando de um antigo método, o de enviar correspondências, para enganar um número ainda maior de pessoas.

De acordo com o órgão, uma mensagem intitulada "Intimação para regularização de dados cadastrais" tem sido enviada para residências de todos o país. Assustadas com o termo "intimação", muitas pessoas podem acabar cumprindo com o passo a passo que a carte ensina, caindo assim no golpe.

A mensagem diz ainda que "a Receita detectou inconsistências em seu cadastro de Pessoa Física, referente aos seus dados bancários declarados anteriormente", como forma de influenciar que as pessoas "regularizem" as informações. Para isso, um endereço eletrônico é fornecido para que a pessoa acesse um site específico, já com "dados bancários e CPF" em mãos.

Em nota, a Receita Federal informa, por meio da assessoria de comunicação, que não entra em contato com o contribuinte via e-mail e/ou correspondência. O modo correto para regularizar os dados cadastrais pode ser feito de três maneiras: de forma virtual, mas por meio do site oficial da Receita, na seção Atendimento Virtual (e-CAC); pessoalmente em uma unidade da RFB, no Centro de Atendimento ao Contribuinte; e em um das entidades públicas conveniadas: Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal ou Correios.

Caso um contribuinte receba este tipo de mensagem, a orientação é que o conteúdo seja ignorado. 

PUBLICIDADE