Polícia Civil estoura "boca" em Ladário e delegado diz que combate ao tráfico na região continua

Ricardo Albertoni em 10 de Julho de 2018

O combate ao tráfico de drogas em Corumbá e Ladário vai continuar. É o que afirmou o agora delegado titular de Ladário e do SIG, Rodrigo Blonkowski. Em seu segundo dia no município vizinho, Blonkowski coordenou investida a ponto de venda de entorpecente.

Divulgação

Sérgio Ramos de Arruda, de 47 anos, identificado como proprietário da “Boca do Serginho” localizada no bairro Santo Antônio, no município vizinho

Equipes da Delegacia de Polícia Civil de Ladário e do SIG – Setor de Investigações Gerais prenderam nesta terça-feira (10) Sérgio Ramos de Arruda, de 47 anos, identificado como proprietário da “Boca do Serginho” localizada no bairro Santo Antônio.

Antes da prisão dele, os policiais realizaram monitoramento na região alvo de denúncias de venda de entorpecentes. Após cerca de trinta minutos constatou-se intensa movimentação de usuários entrando no imóvel de Sérgio. Através do portão que se encontrava aberto, os policiais viram que os indivíduos se dirigiam até o dono da boca e após pegarem algo de suas mãos saíam do local.

A polícia fez a entrada tática e em buscas pelo imóvel foram encontrados em um pote plástico, junto à porta da cozinha, 44 papelotes de pasta base que pesaram aproximadamente 28 gramas.

Também foram apreendidos materiais utilizados para embalar os entorpecentes como folhas de sulfite com as mesmas características das "paradinhas" já preparadas; tesoura, papel filme e objetos de origem não comprovada, além de R$ 134,50 entre notas miúdas e moedas diversas. Ao ser questionado, Sérgio, segundo a polícia, confirmou a prática de tráfico de drogas no local e assumiu a propriedade dos entorpecentes.

Ele e a residência já tinham sido alvos de representação de busca e apreensão em decorrência do mesmo delito (tráfico de drogas). Após a prisão, Sérgio foi encaminhado, juntamente com a droga, dinheiro e objetos para as providencias cabíveis.

Anderson Gallo/Diário Corumbaense

Delegado Rodrigo Blonkowski, agora é titular da delegacia de Ladário

O delegado Rodrigo Blonkowski ressaltou que, mesmo com as transferências dele, que era titular da DAIJI (Delegacia de  Atendimento a Infância, Juventude e Idoso de Corumbá) e agora está em Ladário e do delegado Sam Ricardo Suzumura, que estava à frente da Delegacia de Ladário desde 2016, agora transferido para a 1ª Delegacia de Polícia Civil de Corumbá, o trabalho de repressão ao tráfico de drogas nas duas cidades não será comprometido.

“As remoções de delegados não afetará o serviço, pelo contrário, receberemos um incremento de colegas para melhor servir a população de Ladário e Corumbá. Estamos atentos às denúncias repassadas pela população e a repressão continuará com ainda mais rigor e intensidade”, garantiu Blonkowski.

PUBLICIDADE