Júlio César conquista bronze no Equador e vai representar o Brasil no Pan de Karatê

Ricardo Albertoni em 26 de Abril de 2018

Reprodução

Ao todo, Júlio César (primeiro da direita) realizou cinco lutas

Representando o Brasil, o karateca Júlio César Mendonça Garcia, de 12 anos, conquistou na quarta-feira, 25 de abril, a medalha de bronze no Campeonato Sul-Americano de Karatê, em Guaiaquil, no Equador. Com a premiação, o atleta foi o brasileiro melhor classificado na categoria e ganhou o direito de representar o país no Pan-Americano que acontece em agosto no Rio de Janeiro.

Ao todo, Júlio César realizou cinco lutas. Venceu as duas primeiras e acabou perdendo a terceira para um atleta venezuelano por 3 a 2. Na repescagem venceu competidor peruano e na disputa pelo bronze venceu um representante da Colômbia. O karateca é integrante da Seleção Brasileira de Karatê, e treina na Associação Kumakan de Karatê.

Reprodução

O karateca Júlio César Mendonça Garcia, de 12 anos, conquistou a medalha de bronze no Campeonato Sul-Americano de Karatê, em Guaiaquil, no Equador

O menino compete na modalidade de Kata (luta imaginária de movimentos combinados) e os duelos ocorrem simultaneamente. Os atletas, cada um com uma cor de faixa – azul ou vermelha - se cumprimentam e iniciam a apresentação separadamente. No final, os árbitros escolhem o vencedor levantando as bandeiras da cor da faixa do atleta que na avaliação deles melhor se apresentou. Geralmente são de 5 a 7 árbitros para que não haja empate.

Para participar da competição internacional, Júlio contou com o apoio da Prefeitura de Corumbá através da Funec (Fundação de Esportes de Corumbá) e personalidades da política local. “Conseguimos passagens aéreas até Campinas de ida e volta dele e da mãe, que é a responsável por ele ser menor de idade, através da Funec. A  passagem do atleta até o Equador conseguimos com o vereador Chicão Vianna que nos foi apresentado por outra pessoa que nos apoiou que é o Felipe Saad”, explicou o pai do atleta, o militar Juliano Garcia, que faz o possível para que o filho dispute todas as competições, o que só é possível na maioria das vezes com investimento do próprio bolso.

Menino campeão

O Diário Corumbaense acompanha a história de Júlio César há um ano. Talento precoce, o menino participa de competições desde os 6 anos de idade e sempre esteve no pódio.Campeão pan-americano em 2017, tricampeão brasileiro nacional, tetracampeão brasileiro regional; venceu a Copa Arnold Classic que aconteceu no Rio de Janeiro, onde a família também morou, e tem três títulos da Copa Internacional Amazônica. É tricampeão carioca, tetracampeão amazonense entre vários outros títulos. O currículo do atleta possui mais de 60 páginas e tem dezenas de medalhas que representam sua ainda curta mas vitoriosa carreira.

Os interessados em apoiar Júlio César podem ligar para o telefone: (67) 3232-2733. Os números para contato com os pais do atleta através do WhatsApp são: (67) 9 8114-5791 (Juliano); (67) 9 8120-5800 (Veridiane). A página no Facebook é: facebook.com/familia.garcia.581. O e-mail da Associação Kumakan de Karatê-do é kumakan.karate@gmail.com.

PUBLICIDADE