Pequenos produtores rurais recebem patrulha mecanizada para agricultura familiar

Fonte: Assessoria de Comunicação da PMC em 12 de Dezembro de 2017

Renê Marcio Carneiro/PMC

Patrulha mecanizada é composta de trator Massey Ferguson, grade niveladora de 36 discos, arado e encanteiradeira

O prefeito Marcelo Iunes assinou Termo de Entrega de Bens para a Associação dos Produtores dos Assentamentos de Corumbá (APRAC) a fim de fomentar a agricultura familiar, propiciando ganhos de produtividade no campo com a utilização de mecanização e fortalecendo o aparceiramento entre agricultores familiares e Prefeitura. Foi doada patrulha mecanizada composta de trator Massey Ferguson, grade niveladora de 36 discos, arado e encanteiradeira. Os bens foram cedidos pelo Governo do Estado por meio da Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural (Agraer). Isso foi possível através do Termo de Cessão de Uso nº 023/2017. A entrega aconteceu no dia 07 de dezembro, na Prefeitura Municipal de Corumbá.

O ato teve como fundamento o Termo de Cooperação Técnica nº 01/2017 celebrado entre o Município, representado pela Secretaria Especial de Agricultura Familiar, e a APRAC. A entrega ocorreu na presença de representantes da Associação, do secretário especial de Agricultura Familiar, Mohamad Abder Rahman Abdallah; do secretário municipal de Governo, Cássio Marques; do assessor especial José Antonio Assad e Faria; e dos vereadores André Luiz Pereira Fernandes, Luís Francisco de Almeida Viana e Ubiratan Canhete de Campos Filho.

“Estamos aqui para ajudar no que os pequenos agricultores precisarem da Prefeitura. É difícil hoje porque o dinheiro está escasso, mas, o que for possível, vamos fazer. Faremos de tudo para que o pequeno produtor tenha não só como produzir, mas onde vender, vamos procurar esse espaço, até mesmo dentro do Poder Executivo. Vamos ver a possibilidade de podermos utilizar recursos do FMIS para poder ajudá-los no funcionamento da usina de leite”, disse o prefeito Marcelo Iunes.

A usina de leite foi promessa de campanha do falecido prefeito Ruiter Cunha de Oliveira. No seu segundo mandato, implementou a usina com equipamentos de ponta na época e pôs em funcionamento, porém, a cooperativa que estava à frente não obteve êxito. Novamente, a gestão Ruiter reassumiu a usina, providenciou toda a manutenção necessária e, em 2012, deixou tudo revisado faltando apenas iniciar os trabalhos que ficariam a cargo da posterior administração pública. Atualmente, a usina se encontra em desuso e estima-se que ela tenha valor aproximado de R$ 2 milhões. O objetivo agora é ativar a usina e ajudar os pequenos produtores a comercializarem o próprio leite.

“O nosso pequeno produtor rural é altamente produtivo. Em cinco meses, conseguimos gastar os R$ 500 mil que o Governo Federal disponibilizou, conseguimos comprar dos assentados quase 300 mil quilos de alimentos distribuídos tanto para entidades quanto para a população mais carente. Tudo isso trabalhando com os produtores, correndo junto, abrindo as portas, indo aos CRAS, fazendo o pessoal correr atrás para que os assentados possam vender seus produtos. Estamos trabalhando agora para que a usina de leite entre em funcionamento”, disse Mohamad Abdallah, secretário especial de Agricultura Familiar.

Josuel Lírio dos Santos, 1º secretário da APRAC e que também assinou o Termo de Entrega, afirmou que a atitude do Município é muito importante para os produtores. “Nós precisamos desse apoio porque a patrulha que temos está bastante defasada. Em quase 30 anos de assentamento, nunca tivemos um secretário que olhasse tanto pelos agricultores como o Mohamad. Esperamos que a cooperação entre a APRAC e a Prefeitura continue”. 

Renê Marcio Carneiro/PMC

Entrega simbólica da patrulha aconteceu no pátio da Prefeitura

PUBLICIDADE