Sem atingir meta de 80%, campanha de vacinação contra a gripe é prorrogada

Da Redação em 25 de Maio de 2017

Pessoas que integram o público-alvo  e que não se imunizaram contra a gripe, têm agora até o dia 09 de junho para procurar uma unidade de saúde e garantir a dose contra a influenza. O prazo se encerraria nesta sexta-feira (26). A coordenadora de Imunização da Secretaria de Saúde de Corumbá, Juciane Teixeira de Souza Silva, informou ao Diário Corumbaense que o Município não atingiu a meta de 80% de cobertura vacinal, bem como as demais cidades de Mato Grosso do Sul, logo, receberam o comunicado do Ministério da Saúde de que a campanha deve ser prorrogada. No Brasil, apenas 60,5% da população que faz parte do grupo de risco foi imunizada no país e em Mato Grosso do Sul, a cobertura vacinal é de 58,71%

De acordo com a coordenadora, a cidade registrou até agora 66,56% de doses aplicadas. As gestantes e puérperas (até 45 dias após o parto) continuam sendo o público-alvo minoritário, o que preocupa. “Para alcançá-las, a Secretaria de Saúde organizou um esquema de abordagem, no Centro de Saúde da Mulher e na maternidade", afirmou Juciane.

Para atingir os outros grupos prioritárias, que são crianças na faixa etária de seis meses a menores de cinco anos de idade (quatro anos, 11 meses e 29 dias), trabalhadores de saúde, grupos portadores de doenças crônicas e outras condições clínicas, a Secretaria de Saúde de Corumbá está ofertando vacinação no período noturno. O pronto-atendimento dos postos Pedro Paulo II e Breno de Medeiros funcionam das 18h às 22 horas. O ambulatório vai aplicar doses pela manhã, à tarde e à noite, até às 21 horas. A maternidade oferecerá vacinação à noite somente para gestantes e puérperas. O Centro de Saúde da Mulher  aplica doses também somente em gestantes e puérperas em horário comercial.

A campanha de vacinação teve início em 17 de abril e a meta geral em Corumbá, é imunizar 28.329 pessoas que integram os grupos prioritários. São 2.538 profissionais de saúde; 3.048 crianças de 6 meses a 2 anos; 5.282 crianças de 2 a 4 anos; 1.524 gestantes; 251 puérperas; 160 indígenas; 9.729 idosos; 4.819 idosos com comorbidades; 766 privados de liberdade; e 212 funcionários do sistema prisional. 

As seguintes Unidades Básicas de Saúde também prosseguem com a vacinação: Beira Rio; Gastão de Oliveira (Maria Leite); Luiz Fragelli (Universitário); Fernando Moutinho I e II (Cristo Redentor); Padre Ernesto Sassida (Dom Bosco); Humberto Pereira (N.Sra. de Fátima); Lúcia Maria Pereira I e II (Kadwéus); Popular Velha e Nova Corumbá. O funcionamento é das 07h às 11h e das 13h às 17h.

 

Comentários:

Juvenal Alves da Silva: Que me desculpe a Coordenadoria mas na minha opinião a organização dos postos de vacinação , deixou a desejar, me colocando como exemplo, pra receber a dose de vacina, visitei uns 04 postos, sendo que em alguns casos mais de uma vez. Assim sendo fico imaginando pessoas com maior dificuldade que eu, podem até mesmo ter desistido de tentar.... Reitero meu pedido de desculpas......

PUBLICIDADE