PUBLICIDADE

Saúde reforça a importância dos cuidados com a saúde mental

Fonte: Assessoria de Comunicação da PMC em 10 de Janeiro de 2022

Reprodução

Transtornos mentais são responsáveis por mais de um terço do número de pessoas incapacitadas nas Américas

Janeiro é o mês escolhido para chamar atenção da população sobre os cuidados com a saúde mental. O tema será trabalhado nas Unidades Básicas de Saúde da Família e em toda a rede visando chamar a atenção da população dos cuidados necessários com a saúde mental e emocional, mudando a compreensão acerca do tema e desmistificando o assunto e promovendo um debate. O Centro de Referência Regional de Saúde do Trabalhador irá promover palestras em empresas.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), a ansiedade afeta 18,6 milhões de brasileiros e os transtornos mentais são responsáveis por mais de um terço do número de pessoas incapacitadas nas Américas. A Covid-19 fez não só com que esses transtornos se agravassem, mas também trouxe novas questões.

Atendimento em Saúde Mental

A pessoa que está passando por problemas de saúde mental deve procurar a Unidade de Saúde do seu bairro, e poderá ser encaminhada para atendimento no Centro de Especialidades Médicas ou para os Centros de Atenção Psicossocial – Caps.

Os Caps realizam um atendimento especializado, de transtornos mentais graves e persistentes, como depressão, ansiedade, esquizofrenia, transtorno afetivo bipolar, transtorno obsessivo-compulsivo etc, e pessoas com quadro de uso nocivo e dependência de substâncias psicoativas.

Por meio de uma equipe multidisciplinar oferecem diversas atividades, tais como: grupos terapêuticos, oficinas diversas – pintura em tela, marcenaria, jardinagem, prendas culinárias, atividades esportivas, passeios em pontos especiais da cidade, atendimento individual, consultas médicas clínicas e psiquiátricas, terapia individual, visitas domiciliares, buscas ativa, reunião de família, reunião e capacitação de equipe.
Todas as ações são planejadas para trabalhar algum aspecto das necessidades ou potencialidades das pessoas.

CAPS II – José Fragelli
Atendimento a adultos para transtornos mentais graves e persistentes.
Telefone: 3907-5094
Rua Tenente Melquiades de Jesus, 900, Centro

CAPS AD:
Atendimento para adultos especializado em transtornos pelo uso de álcool e outras drogas.
Telefone: 3907-5427
Rua Cabral 1208, Centro

CAPS I
Atendimento a crianças e adolescentes, para transtornos mentais graves e persistentes, inclusive pelo uso de substâncias psicoativas.
Telefone: 3907-5473
Rua Cuiabá,1291, Centro

O CEREST – Centro de Referência da Saúde do Trabalhador está localizado na Rua Ladário, s/n, (Ao lado do terminal Rodoviário), Centro
Telefone: 3907-5444

PUBLICIDADE