PUBLICIDADE

Novas variantes P1 e P2 em circulação no MS tem maiores índices de contaminação

Portal de Notícias do Governo de MS em 12 de Abril de 2021

No encerramento da semana 14/2021 da Covid-19, Mato Grosso do Sul teve recorde histórico de 297 óbitos (taxa de letalidade em 2,1) e 8.570 casos e uma alta taxa de contágio de 1,11%. A informação é da secretária adjunta de Saúde, Christine Maymone.

Com grande defasagem de dados, 1.172 amostras em análise e 6.590 casos sem encerramento nos sistemas dos municípios, o Boletim Epidemiológico da SES trouxe registro de 770 novos casos nas últimas 24 horas e mais 37 mortes causados pela Covid 19 no MS.

De acordo com os dados, as mulheres são mais afetadas pela doença (53,0%), enquanto o registro de mortes é maior entre os homens (54,5%).

A idade das pessoas que se contaminam está diminuindo consideravelmente, em virtude da circulação de duas novas variantes – P1 e P2 - extremamente contagiosas e, obviamente, pelo desrespeito às regras sanitárias, como vem sendo alertado pelos especialistas. Pacientes entre 30 e 39 anos somam 23,6% do total de casos notificados. E jovens com idade entre 20 e 29 anos representam 19% dos que testam positivo para a Covid 19.

PUBLICIDADE