PUBLICIDADE

Discussão por causa de política termina com agressão e tiros em Dourados

Campo Grande News em 02 de Novembro de 2020

Discussão sobre política quase terminou em morte numa conveniência na rua Hayel Bon Faker, no Jardim Água Boa, em Dourados, distante 233 quilômetros de Campo Grande. O caso foi registrado por volta das 20h30 de ontem (1º). Após o crime, o autor dos disparos, filho de um candidato a vereador na cidade, fugiu.

Conforme boletim de ocorrência, registrado pelo proprietário da conveniência, de 51 anos, estava no local conversando com um cliente quando o autor de 42 anos, filho de um candidato a vereador na cidade, chegou. A vítima relatou que começou a conversar com o suspeito sobre política. Porém, o autor se irritou e falou: “você quer falar o que com isso? Que meu pai não presta como candidato a vereador? Você pensa o que dá sua vida seu gordo sem vergonha. Eu já queria falar com você há um bom tempo”.

Na sequência, o autor empurrou e agrediu a vítima com um tapa no rosto dizendo: “espera aí seu gordo sem vergonha. Vou ali e já volto”. O suspeito, então, deixou o local num veículo Ford Landau. Depois de cerca de 15 minutos, ele voltou em uma caminhonete S10, parou em frente ao estabelecimento e disparou ao menos 10 tiros contra a vítima, que só escapou porque conseguiu se esconder atrás de uma coluna de concreto.

Marcas de tiros ficaram pelo local. A vítima contou à polícia que nunca havia se desentendido com o autor ou com a família dele. A testemunha presenciou toda a confusão e durante os disparos ficou abrigada próxima de um freezer.

PUBLICIDADE