PUBLICIDADE

Carreata leva imagem de Nossa Senhora Aparecida para as ruas de Corumbá

Rosana Nunes em 12 de Outubro de 2020

Anderson Gallo/Diário Corumbaense

Carreata começou no fim da tarde e entrou pela noite desta segunda-feira

O fim de tarde e noite de segunda-feira, 12 de outubro, dia dedicado a Nossa Senhora Aparecida,  foi de muita fé e devoção à padroeira do Brasil em Corumbá. Todos os anos, milhares de fiéis participam da procissão, mas por causa da pandemia da covid-19, a caminhada foi substituída pela carreata.

Mas um devoto, Carlos Alberto Pereira, de 58 anos, fez como todo ano. Seguiu a carreata a pé e descalço. Parece um grande esforço, mas não para o homem que contou como iniciou a devoção por Nossa Senhora. “Eu fui preso várias vezes por tráfico de drogas e na última vez que cumpri pena, tinha a imagem da santa na cela e, então, pelos meus filhos, pedi à ela que me tirasse daquela vida, me abençoasse com um novo caminho. E assim aconteceu, me transformei, arrumei um bom trabalho, tenho responsabilidades e todo ano venho agradecer por tudo que Nossa Senhora Aparecida me proporciona”, afirmou ao Diário Corumbaense.  

Anderson Gallo/Diário Corumbaense

Carlos Alberto acompanhou carreata a pé e descalço, carregando a imagem da santa

Há pouco tempo, Carlos Alberto enfrentou um problema de saúde, um infarto, chegou a ficar inconsciente, mas quando acordou, a primeira coisa que fez foi orar para a santa e pedir, mais uma vez, sua intercessão. “Hoje estou aqui novamente, vou acompanhar a carreata até onde ela permitir”, frisou o devoto.

A enfermeira Nilda Canale Manoel, de 51 anos, levou a mãe e mais três pessoas, todas usando máscaras, para a carreata. “Queria me posicionar perto do carro que leva a imagem da santa e consegui”. Há cerca de 15 anos, a mãe da enfermeira teve suspeita de câncer. Ela e a família se agarraram à fé na santa e a graça da cura foi alcançada. “Desde então, participamos das celebrações todo ano. Sendo procissão ou carreata, o que importa é a fé. Nossa Senhora é a nossa mãe e nunca nos abandona. E ela está conosco neste momento difícil, da covid-19, que mudou a rotina e a vida das pessoas”, destacou a enfermeira que, quando pode, também vai à Basílica de Aparecida, no interior de São Paulo, para agradecer as bênçãos recebidas e pedir proteção.

Bênção em frente à Santa Casa

Por onde passou, a carreata com a imagem de Nossa Senhora Aparecida despertou momentos de muita emoção, através das orações e canções sacras. As pessoas saíram nas calçadas para saudar a santa e pedir proteção. Muitos moradores até montaram altar em frente de casa.

Anderson Gallo/Diário Corumbaense

Na passagem em frente da Santa Casa, bênçãos a pacientes e trabalhadores da Saúde

Na passagem pela 15 de Novembro, onde está localizada a Santa Casa de Corumbá, houve a bênção aos enfermos e trabalhadores da Saúde que lutam contra o coronavírus. A cidade registrou quase 4.400 casos da doença até agora, mais de 93% dos infectados se recuperaram, porém 142 pessoas já perderam a batalha para o vírus.

A carreata ainda percorreu a parte alta da cidade e se encerrou em frente a Igreja de Aparecida, onde houve a última celebração e coroação de Nossa Senhora.

Oração a Nossa Senhora Aparecida

Ó incomparável Senhora da Conceição Aparecida, Mãe de Deus, Rainha dos Anjos, Advogada dos pecadores, refúgio e consolação dos aflitos e atribulados, Virgem Santíssima cheia de poder e de bondade, lançai sobre nós um olhar favorável, para que sejamos socorridos por vós, em todas as necessidades em que nos acharmos.

Lembrai-vos, ó clementíssima Mãe Aparecida, que nunca se ouviu dizer que algum daqueles que têm a vós recorrido, invocado vosso santíssimo nome e implorado vossa singular proteção, fosse por vós abandonado. Animados com esta confiança, a vós recorremos.Tomamo-nos de hoje para sempre por nossa Mãe, nossa protetora, consolação e guia, esperança e luz na hora da morte.

Livrai-nos de tudo o que possa ofender-vos e a vosso Santíssimo Filho, Jesus. Preservai-nos de todos os perigos da alma e do corpo; dirigi-nos em todos os negócios espirituais e temporais. Livrai-nos da tentação do demônio, para que, trilhando o caminho da virtude, possamos um dia ver-vos e amar-vos na eterna glória por todos os séculos dos séculos. Amém. 

PUBLICIDADE