PUBLICIDADE

Escola do Sesi de Corumbá lança campanha “Conexão Solidária”

Da Redação em 30 de Abril de 2020

A Escola do Sesi de Corumbá lançou, nesta semana, a campanha “Conexão Solidária” para estimular a interação, a socialização e a conexão social de todo a comunidade escolar neste momento de avanço da pandemia mundial do novo coronavírus (Covid-19). Trata-se de uma rede de apoio diante das necessidades causados pela doença, que busca arrecadar itens de higiene e alimentos para ajudar quem está vulnerável neste momento.


A iniciativa partiu da disciplina de Empreendedorismo, que tem como intuito promover o protagonismo estudantil e aflorar sentimentos e atitudes que visam o crescimento dos estudantes enquanto seres transformadores da sociedade em que vivem.


Sob a orientação das professoras da disciplina de Arte e Empreendedorismo da Escola do Sesi de Corumbá, Luciara Veiga e Rozilene Cuyate, foi lançada a campanha com o apoio da Rádio FRON 106.9. “O intuito é promover o empreendedorismo social nos estudantes e ajudar de alguma forma as famílias que foram afetadas diretamente pela Covid-19”, disse a professora Luciara Veiga.


Ela explica que a “Conexão Solidária” vai até o dia 10 de maio e, durante esse período, os alunos realizarão uma campanha online para arrecadar junto à comunidade alimentos, kits de higiene e limpeza, movimentando as redes sociais e todos os meios disponíveis para arrecadação.


Em razão da pandemia e atendendo as orientações da OMS (Organização Mundial da Saúde), os estudantes só farão as campanhas via online, entretanto, todas as doações serão agendadas pelas professoras, por meio dos telefones delas, que irão pessoalmente fazer a coleta e futuramente a entrega dos produtos arrecadados.


Para a professora Rozilene Cuyate, a empatia é o sentimento que liga as pessoas e é a prática de conectar-se ao outro. “O objetivo da presente campanha é trabalhar com os alunos a importância de se colocar no lugar do outro e os benefícios da solidariedade e do amor ao próximo”, argumentou.


O aluno Gabriel Vinicius Gomes Salvatierra fala que, quando Deus nos abençoa e temos condições de ajudar o próximo, doar alimentos para quem precisa é um ato de solidariedade e amor. “É um sentimento de gratidão ajudar pessoas que infelizmente não tem condições de dar uma alimentação digna para os seus familiares”, afirmou. Com informações da assessoria de imprensa. 

PUBLICIDADE