PUBLICIDADE

Mulher cava buraco em parede para fugir do marido que a mantinha em cárcere privado

Campo Grande News em 02 de Abril de 2020

Mulher, de 26 anos, espancada e mantida em cárcere pelo marido, de 25 anos, cavou um buraco na parede para conseguir fugir com os filhos e pedir ajuda na casa da irmã. O caso ocorreu ontem (1°) na Aldeia Cerrito, em Eldorado, cidade distante 440 quilômetros de Campo Grande.

À polícia, a mulher relatou que ontem, por volta das 11h, estava em casa com os dois filhos menores de idade, quando o marido chegou bêbado e começou a agredi-la. Segundo a vítima, ela foi espancada a socos e pauladas.

Após as agressões, ela foi trancada pelo marido dentro da casa com os dois filhos. A vítima conseguiu cavar um buraco na parede, feita de madeira de coqueiros, e conseguiu fugir para a casa da irmã. Machucada, a mulher precisou de atendimento médico. 

Segundo  a vítima, não é a primeira vez que ela é agredida pelo marido. Ele não foi localizado. O caso foi registrado como violência doméstica, sequestro e cárcere privado.

PUBLICIDADE