PUBLICIDADE

IFMS abre vagas de redistribuição para professores e técnicos-administrativos

Da Redação em 29 de Novembro de 2019

O Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS) abriu chamada pública de redistribuição para servidores de outras instituições federais de ensino que tenham interesse em atuar no IFMS. São dez vagas destinadas a professores do ensino básico, técnico e tecnológico e técnicos-administrativos em educação. A chamada pública está publicada na Central de Seleção do IFMS.

As vagas são para Assistente de Alunos, Técnico de Laboratório de Aquicultura, Técnico de Laboratório de Edificações, Técnico em Segurança do Trabalho, Psicólogo e professores de Engenharia Civil, Engenharia de Pesca/Aquicultura, Elétrica/Automação, Português/Libras e Informática/Desenvolvimento e Desenvolvimento Web/Design Gráfico.

Para participar da seleção, o servidor precisa estar em exercício na mesma carreira, mesmo cargo ou em cargo do mesmo nível, no caso dos técnicos-administrativos, da vaga oferecida pelo IFMS.

O interessado não pode estar afastado para qualificação, responder a processo administrativo disciplinar ou sindicância, ter sofrido advertência nos últimos três anos ou ter cumprido suspensão nos últimos cinco anos.

Inscrições

Devem ser feitas até o dia 06 de dezembro. Inicialmente, o interessado deve acessar a Página do Candidato, na Central de Seleção do IFMS, e preencher o formulário eletrônico. Em seguida, é preciso enviar ao e-mail coape@ifms.edu.br os seguintes documentos:

  • requerimento (anexo III do edital) preenchido;
  • histórico funcional completo do servidor a ser redistribuído (dossiê completo), extraídos do sistema Siape; 
  • histórico de licenças, afastamentos e faltas injustificadas extraídos do sistema Siape; 
  • declaração da chefia imediata referente à assiduidade, responsabilidade, disciplina, iniciativa e produtividade, além de aspectos comportamentais que considere relevantes no ambiente de trabalho; 
  • declaração de ciência com manifestação favorável da chefia imediata e autoridade máxima da unidade; 
  • cópia das últimas avaliações de desempenho; 
  • declaração emitida pelo órgão de origem de não estar respondendo sindicância ou processo administrativo; 
  • declaração da não necessidade de ajuda de custo no processo de redistribuição (anexo IV).

Seleção

Será feita por meio da análise da documentação, podendo o candidato ser convocado para uma entrevista ou a apresentar documentos complementares.

Os documentos serão analisados por comissões formadas especificamente para a seleção e compostas de acordo com a especificidade da vaga.

A lista de inscritos será publicada no dia 09 de dezembro, e o resultado preliminar está previsto para 03 de janeiro. Com assessoria de imprensa.

PUBLICIDADE