PUBLICIDADE

Área Azul volta a ser debatida na Câmara como solução para ordenar estacionamento no Centro

Da Redação em 13 de Agosto de 2019

Anderson Gallo/Arquivo Diário Corumbaense

Casos de motoristas que ficam muito tempo à procura de vagas, são muito frequentes

A regulamentação da Lei Municipal n° 2.346/2013, conhecida como Lei da Área Azul, foi debatida na sessão de ontem, segunda-feira, 12, da Câmara Legislativa como forma de ordenar o estacionamento na área central da cidade.

O assunto foi levantado pelo vereador Manoel Rodrigues que apresentou um requerimento solicitando informações sobre a Lei que foi aprovada pelo Poder Legislativo corumbaense, mas que ainda não foi regulamentada pelo Poder Executivo.

Manoel explicou que é preciso colocar em prática a Lei da Área Azul, tendo em vista que “o sistema rotativo de estacionamento visa justamente amenizar a falta de vagas nas ruas do centro, oportunizando a mais pessoas o uso das vagas existentes, possibilitando que clientes possam estacionar com mais tranquilidade para efetuar suas compras”.

Na oportunidade, outros vereadores destacaram o assunto. Bira e Tadeu Vieira, por exemplo, questionaram o fato de algumas lojas no centro, colocar cones em frente aos estabelecimentos comerciais nas primeiras horas da manhã, para assegurar vagas.

Manoel reforçou que a forma de ordenar o sistema, é a implantação do estacionamento rotativo, e que foi por isso que solicitou informações ao prefeito Marcelo Iunes; ao diretor da Agência Municipal de Trânsito e Transporte Agetrat) Alexandre do Carmo Taques Vasconcellos, bem como ao secretário de Desenvolvimento Econômico e Sustentável, Luciano Aguilar Rodrigues Leite, em relação ao assunto. As informações são da assessoria de comunicação da Câmara de Vereadores

PUBLICIDADE