PUBLICIDADE

Julgamento do Aquidauanense não acontece e clubes ameaçam não jogar no fim de semana

Leonardo Cabral em 15 de Março de 2019

Anderson Gallo/Arquivo Diário Corumbaense

Carijó afirmou que entra em campo

Após o não comparecimento do procurador responsável em julgar o caso que envolve o Aquidauanense durante sessão que aconteceria ontem (14) na sede da Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul, algumas equipes ameaçam, nos bastidores, a não entrar em campo na última rodada da primeira fase, no fim de semana, conforme divulgou a reportagem do site Gazeta MS. A medida seria como protesto, já que o resultado do julgamento reflete diretamente na zona de classificação e rebaixamento do Estadual 2019.

O Azulão é acusado de escalar irregularmente o atleta Alex Faria, na estreia do campeonato, vencendo pelo placar de 3x2. O Aquidauanense poderá perder até 6 pontos.

O Corumbaense Futebol Clube, que tem o Sete de Dourados como adversário no próximo domingo, 17, às 15h, no Arthur Marinho, já confirmou que vai estar em campo. O diretor, Luiz Bosco Delgado, esclareceu que entende a preocupação dos times, mas garantiu que o Carijó da Avenida vai para o jogo. “Não tem outro caminho. Temos que jogar, pois se não entrarmos em campo, isso pode resultar na perda de pontos ou até mesmo a desclassificação da equipe. É um risco que o clube não vai correr”, declarou Bosco ao Diário Corumbaense. Além disso, Bosco confirmou que as vendas dos ingressos serão liberadas na tarde desta sexta-feira, 15 de março.

Já em entrevista ao Gazeta MS, o presidente do Sete de Dourados, próximo adversário do Corumbaense, garantiu que a rodada não deve acontecer. "Não vamos jogar", resumiu. Ainda conforme a reportagem, a posição já seria consenso entre Águia Negra, Sete, Urso, Serc, ABC, Novo e Costa Rica. Outros como Operário FC, Operário AC e Comercial e Corumbaense ainda não se posicionaram.

Entenda

Com 15 pontos, o Aquidauanense é o sétimo colocado e, se punido, perde três pontos mais os pontos conquistados no jogo contra o Operário Atlético Clube. Assim, ficando com nove pontos, entraria na zona de rebaixamento, livrando, a SER Chapadão e a definição dos classificados e rebaixados. 

PUBLICIDADE