PUBLICIDADE

Corumbá elege Musa Gay do Carnaval 2019 na Chácara da Mil

Leonardo Cabral em 08 de Fevereiro de 2019

Anderson Gallo/Diário Corumbaense

Musa Gay já está incluído no calendário do Carnaval de Corumbá

Acontece na noite desta sexta-feira, 08 de fevereiro, o tradicional concurso Musa Gay do Carnaval de Corumbá. Realizado na Chácara da Mil, no bairro Maria Leite, o evento, que entrou em sua oitava edição, terá participação de sete candidatas de Corumbá, Campo Grande e de Puerto Quijarro, Bolívia.

Um dos responsáveis pela organização do evento, Leandro Novaes, disse ao Diário Corumbaense que o momento é de alegria e acima de tudo tem a responsabilidade de mostrar a luta contra o preconceito e a homofobia.

“O Musa Gay já está no calendário do Carnaval de Corumbá e a cada ano vem crescendo, não só pelo número de candidatas, mas também pelo fato de agradar ao público que nos prestigia e vem junto com a gente levantar essa bandeira contra o preconceito”, falou Leandro que conta com o apoio do promoter João Batista, mais conhecido como “JB” na organização da festa.

O concurso terá R$ 2 mil em premiação. Para a vencedora, o valor é de R$ 1.000,00. A segunda colocada levará o prêmio de R$ 500,00 e o terceiro lugar irá faturar R$ 300,00. Além da premiação em dinheiro, as candidatas irão ganhar kits com produtos de beleza e brindes. A melhor fantasia terá como premiação R$ 200,00.

O Musa Gay terá início às 21h30 e ainda terá apresentações de Levi Kelmo e Banda, bem como a participação especial de Daniele Oliveira, que já foi musa do carnaval corumbaense.

A animação fica por conta de Maria Quitéria, personagem do ator Arce Corrêa, figura carimbada na folia de momo na região pantaneira e apresentação da jornalista Lívia Gaertner. Os ingressos serão vendidos na portaria do evento pelo valor de R$ 10,00. As mesas custam a partir de R$ 100,00.  

Rede Feminina

Uma praça de alimentação estará disponível para o público. Leandro Novaes, disse que este ano, todo o lucro arrecadado com a venda dos alimentos, terá como destino a Rede Feminina de Combate ao Câncer, que atua em Corumbá, em apoio às mulheres e homens que enfrentam a luta contra a doença.

“Passamos a ter o evento como base de ajuda ao próximo e, então, estamos engajados nessa luta também, onde toda a renda arrecadada com a praça e alimentação será revertida para a Rede Feminina. Tenho  certeza que será uma noite especial”, finalizou.

PUBLICIDADE