PUBLICIDADE

Pescador é multado em R$ 5 mil por construir casa em área protegida

Rosana Nunes em 27 de Janeiro de 2019

Divulgação/PMA

Obra era realizada bem próximo ao leito do rio Paraguai

Morador em Porto Morrinho, distante 70 quilômetros de Corumbá, foi autuado e multado em R$ 5 mil por ampliar casa de alvenaria, à margem do rio Paraguai, dentro de área de preservação permanente. A Polícia Militar Ambiental realizava fiscalização fluvial na tarde de sexta-feira (25) quando localizou a obra irregular.

De acordo com os policiais, a ampliação era realizada sem autorização ambiental e o responsável estava degradando matas ciliares do rio, a 21 metros do leito, quando deveriam ser conservados 200 metros, de acordo com a legislação ambiental.

A obra foi interditada e o proprietário, de 48 anos, que é pescador profissional, terá de recuperar a área degradada. Ele também responderá por crime ambiental, e se condenado, pode pegar pena de detenção de um a três anos. Com informações da PMA.

PUBLICIDADE