PUBLICIDADE

Em mês de liquidações, bolivianos impulsionam vendas no Centro de Corumbá

Leonardo Cabral em 14 de Janeiro de 2019

Anderson Gallo/Diário Corumbaense

Consumidores ainda aproveitam as liquidações ofertadas pelas lojas

Continuam as liquidações nos estabelecimentos comerciais da região central de Corumbá.  Algumas empresas oferecem entre 50% e 70% de desconto em seus produtos, porém, os consumidores devem se atentar, pois esses preços promocionais estão no fim em algumas lojas.

Conforme, Priscila de Oliveira Santos, gerente de uma loja localizada na rua Delamare esquina com a Frei Mariano, o movimento só nesse período de liquidação, teve um crescimento de até 70% e os principais responsáveis pelo alto movimento das compras são os bolivianos. “Desde que começamos com a liquidação, houve uma grande procura por parte dos bolivianos. Na loja, a liquidação deve seguir até esta terça (15) quando então, iremos nos preparar para a campanha de volta às aulas, que trarão promoções em vestuários infantis e até mesmo mochilas”, disse Priscila.

De olho nas promoções, a boliviana Beatriz Dominguez Gonzalez, que mora na cidade de Santa Cruz de La Sierra, e está visitando a família, na cidade fronteiriça de Puerto Suárez, aproveitou o momento e o atrativo dos preços para fazer compras do lado brasileiro, junto com suas irmãs e sobrinhos.

Anderson Gallo/Diário Corumbaense

Beatriz, que é boliviana, disse que os preços e qualidade dos produtos chamam a atenção na hora da compra

“Realmente nos chama muita a atenção os preços ofertados pelas lojas, ainda mais para nós, que estamos vindo de longe. Outro ponto bastante valorizado é a qualidade da roupa colocada à venda. São esses dois pontos que nos atraem”, afirmou Beatriz ao Diário Corumbaense

Já a irmã dela, Verônica Manduary, também afirmou que os preços chamam muito a atenção. “Aproveitamos a oportunidade de estar aqui em Corumbá e compramos para toda a família. O cambio é favorável para nós e, com isso, garantimos as compras de produtos baratos e de boa qualidade até mesmo utilizando a nossa moeda, que é o peso boliviano”, explicou.

Confirmando esse poder de compra por parte dos bolivianos, o presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Corumbá/Ladário, Otávio Philbois, relacionou esse movimento com a passagem de famílias estrangeiras pela cidade devido ao período de férias, onde aproveitam as liquidações das lojas nessa época do ano, já que muitos estabelecimentos aproveitam para fazer a renovação dos estoques.     

Anderson Gallo/Diário Corumbaense

Presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Corumbá/Ladário, Otávio Philbois

“É notável o movimento no comércio da nossa cidade por parte dos bolivianos, e isso é muito bom. Algumas famílias aproveitam a passagem por Corumbá, e fazem suas compras nas lojas do Centro e isso representa desenvolvimento local, gera emprego e tributos à nossa cidade. Todos ganham”, destacou Otávio Philbois. Ele disse ainda que as liquidações variam, já que cada estabelecimento tem o critério de continuar com as promoções, sendo que, geralmente os preços mais baixos de alguns produtos devem ser encontrados até o final de janeiro.

Expectativa para 2019

O Sindicato do Comércio Varejista de Corumbá tem uma perspectiva positiva para o comércio em 2019. De acordo com Otávio Philbois, há possibilidade real da melhoria na economia, ainda mais no que se refere por parte dos consumidores, juntando a vontade de comprar com o bolso permitindo.

“O consumo dos corumbaenses ainda foi marcado por um processo de retração no ano passado e acreditamos que este ano essa retração deixe de existir, com a recuperação da economia e com a fixação da inflação em níveis baixos. Isso tudo gera recuperação econômica das famílias, permitindo o consumo e poder de compra”, finalizou.

PUBLICIDADE